México fará novo Golf em 2014

Produção no país praticamente confirma renovação do modelo no Brasil

Volkswagen Golf | Imagem: Divulgação

A Volkswagen confirmou nesta sexta-feira que a 7ª geração do Golf será produzida no México a partir do 1º trimestre de 2014, conforme havia adiantado uma fonte da marca ao AUTOO no Salão de Paris. O anúncio abre caminho para a renovação do modelo no Brasil, que está há quase 14 anos sem mudanças significativas .

A produção em Puebla, México, será feita na mesma fábrica onde hoje é produzido o sedã Jetta, um derivado do Golf que ganhou projeto próprio há três anos. Graças ao acordo entre Brasil e México, a Volkswagen poderá importar o modelo sem pagar taxa de importação desde que dentro da cota estipulada pelo governo brasileiro.

A decisão da fabricante tem a ver com o crescimento das vendas nos Estados Unidos, mercado considerado decisivo para os planos da VW de tornar-se a maior montadora do mundo em 2018.

Descompasso

Depois de dominar o segmento dos hatches médios no início do milênio com a 4ª geração do Golf, a Volkswagen brasileira não deu sequencia às inovações introduzidas pela matriz no modelo. Enquanto na Europa o Golf ganhou a 5ª geração em 2003 e a 6ª em 2008, no mercado nacional apenas uma reestilização caseira foi introduzida em 2007 e está em produção desde então.

Nesse meio tempo, o Golf deixou o posto de hatch médio mais vendido do Brasil e hoje mantém-se na 4ª colocação do ranking do segmento.

No Brasil

Apesar do anúncio da chegada ao México, rumores sobre a produção no Brasil da nova geração do Golf ainda perduram. A lógica desse raciocínio se baseia na limitação da importação do México e também com o interesse da Audi em voltar a produzir algum modelo no País, para competir com a BMW, que já confirmou sua fábrica brasileira. Com a provável importação do Golf mexicano, a unidade de São José dos Pinhais deve interromper a produção do “Golf 4,5”, abrindo espaço para uma nova linha de montagem.

O Golf VII teve uma recepção calorosa do consumidor europeu, depois da decepção com a geração anterior. Revelada no Salão de Paris, a nova geração ficou mais leve, trouxe motores mais econômicos, equipamentos mais sofisticados e um design um pouco mais personalizado se comparado ao visual repetitivo da linha VW. Com poucos meses de vendas, o modelo chegou a 100 mil unidades encomendadas.

Cronologia do Golf

Ano Mundo Brasil
1974 Primeiro Golf é lançado na Alemanha  
1983 Modelo chega à segunda geração  
1991 Terceira geração transforma-se na de maior sucesso do hatch Com abertura das importações, Golf III estreia no Brasil
1997 Volks lança a 4ª geração do Golf  
1999   Pela primeira vez, Golf é produzido no país
2003 A 5ª geração chega à Europa, mas não repete o mesmo desempenho da anterior Por ser cara, VW desiste de trazer 5ª geração
2006   Golf perde espaço para rivais e fecha ano em 5ª lugar nas vendas
2007   Para manter Golf atraente, Volks faz uma reestilização local e adota motores flex
2008 Volkswagen lança a 6ª geração do Golf, baseada na mesma plataforma do Golf V Golf termina ano na vice-liderança entre os hatches médios, feito que repetiria nos dois anos seguintes
2010   Novo Focus e Hyundai i30 passam a dominar o segmento
2012 7ª geração do Golf é mostrada em Paris. Usa a plataforma MQB, mais leve e versátil Novos rivais chegam ao mercado: Cruze hatch e 308. Focus e i30 de nova geração são mostrados no Salão do Automóvel
Assine a newsletter semanal do AUTOO!