Nissan também estuda atuar no segmento de locação de carros no Brasil

Fabricante vai iniciar um programa piloto com funcionários e prestadores de serviços
Nissan Kicks 2020

Nissan Kicks 2020 | Imagem: Divulgação

Seguindo os passos da Toyota, a Nissan é outra fabricante japonesa que pretende avançar no segmento de locação de automóveis no Brasil.

A empresa comunicou nesta quarta-feira (19) o lançamento de um programa piloto de locação de veículos zero-quilômetro, que será destinado, neste primeiro momento, a funcionários de fornecedores e prestadores de serviços que atendem a empresa. A novidade faz parte do plano de implementação de um projeto amplo de mobilidade da companhia no Brasil, esclarece a empresa sem entrar em detalhes.

“Nosso objetivo agora é fazer testes e ter o maior número de informações possíveis para, depois, avaliarmos novas possibilidades e públicos", explica Marco Silva, presidente da Nissan do Brasil, em comunicado da marca. O programa disponibiliza uma plataforma online, em que os usuários podem acompanhar as etapas do processo de solicitação de seu veículo, consultar infrações e o histórico dos serviços realizados nas concessionárias.

Ao contrário do que a Toyota já oferece ao público em geral, no caso da Nissan os contratos de locação são semelhantes aos formatos de “carro por assinatura” e têm duração de 12 meses, com direito às revisões periódicas, seguro e opção de compra do veículo após o término do período.

A fabricante vai oferecer aos seus colaboradores interessados no programa piloto de locação o SUV compacto Kicks, o hatch March e o sedan Versa.

Nissan March 2020
Nissan March 2020
Imagem: Divulgação

Assine a newsletter semanal do AUTOO!