Novo Cruze será produzido na Argentina a partir de maio

Segunda geração do sedã da Chevrolet vai usar motor 1.4 turbo
Chevrolet Cruze 2016

Chevrolet Cruze 2016 | Imagem: Divulgação

O novo Chevrolet Cruze está cada vez mais perto de ser lançado no mercado brasileiro. Na última semana, o CEO da divisão argentina da General Motors, Carlos Zarlenga, confirmou durante entrevistas cedidas à imprensa local que a segunda geração do sedã médio vai começar a ser produzido por má em maio.

A produção da nova geração do Cruze é fruto do “Projeto Fênix”, com investimento de US$ 750 milhões, e vai sair da linha da produção da marca em Rosário, Santa Fé, que atualmente é responsável pela produção dos compactos Agile e Classic.

A versão argentina do Chevrolet Cruze vai seguir o mesmo modelo apresentado nos Estados Unidos, com direito a um motor 1.4 litro Ecotec turbo, de até 155 cavalos de potência e 25 kgfm de torque, e câmbio manual de seis velocidades ou automatizado de seis marchas e dupla embreagem, em substituição ao atual 1.8 aspirado.

O Brasil deve receber o novo Cruze no final deste ano, provavelmente com apresentação no Salão de São Paulo, entre outubro e novembro.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!