Onix e Civic terão produção suspensa em março

Chevrolet e Honda estariam com dificuldades em conseguir componentes e fábricas ficarão paradas em março
Acima os novos Chevrolet Onix e Onix Plus 2020

Acima os novos Chevrolet Onix e Onix Plus 2020 | Imagem: Divulgação

Não é segredo que a pandemia causou dificuldades para as montadoras. Agora, com a demanda se recuperando, novas dificuldades se apresentaram na hora de adquirir componentes eletrônicos vitais para a fabricação dos carros, bem como o aço utilizado na construção dos automóveis. Tais insumos estariam em falta junto aos fornecedores globalmente e os efeitos também devem ser sentidos no Brasil.

O caso mais grave deverá ser o do Chevrolet Onix. O modelo produzido em Gravataí (RS) terá a produção suspensa. De acordo com o Sinmgra, Sindicato dos Metalúrgicos de Gravataí, a fabricação do carro mais vendido do país ficará paralisada ao longo do mês de março para que a montadora recomponha os estoques de itens em falta, principalmente eletrônicos.

Chevrolet Onix: pelo 6º ano consecutivo, modelo é o carro mais vendido no Brasil
Chevrolet Onix
Imagem: Divulgação

Durante a suspensão, os funcionários da marca e de seus fornecedores ficarão em regime de férias coletivas. Porém, após o mês de março, o ritmo de produção deve retornar lentamente. De acordo com o sindicato, será proposto aos funcionários de Gravataí que, a partir de 5 de abril, a fabricação do Onix seja feita apenas em um turno, ao invés de dois, afastando temporariamente mil empregados. A produção mais lenta pode perdurar por um período de dois a cinco meses até que a Chevrolet restabeleça o fornecimento de componentes.

Durante o afastamento, os empregados receberiam parte dos salários e participariam de cursos de requalificação. Na negociação com o sindicato, ficou estabelecido que, se a montadora realizar demissões nesse período, irá pagar multa de dois salários adicionais por funcionário demitido. Procurada pelo AUTOO, a Chevrolet não declarou que a questão da falta de componentes seja o motivo da paralisação, afirmando que a linha de montagem de Gravataí “entrará em férias coletivas programadas de 1 a 20 de março. Essas férias são para manutenção e atualização da linha de montagem".

Honda Civic também será afetado

Além do Onix, o Honda Civic também parece ter sido afetado pela falta de componentes eletrônicos no mercado. Em comunicado, a montadora informou que “a Honda Automóveis do Brasil confirma parada temporária em sua linha de produção do modelo Civic na fábrica de Sumaré (SP), em virtude dos impactos da pandemia da Covid-19 nas cadeias globais de suprimento, que ocasionaram um desequilíbrio entre oferta e demanda de semicondutores”. 

A suspensão da produção do sedã da marca deve acontecer entre os dias 1 e 10 de março. Serão concedidas férias coletivas para cerca de mil empregados da unidade no interior paulista durante o período. Por outro lado, os demais modelos da marca fabricados em Itirapina (SP), como Fit, City e HR-V, não teriam sido afetados ainda e estariam sendo produzidos normalmente.

Honda Civic 2021
Honda Civic 2021
Imagem: Divulgação