Pandemia fez público rever a aquisição de um carro elétrico

Levantamento realizado na Inglaterra mostrou alteração no comportamento de compra entre os que vão trocar de veículo
Nissan Leaf 2020

Nissan Leaf 2020 | Imagem: Divulgação

Uma das consequências do avanço do novo coronavírus globalmente foi a menor utilização do automóvel. Com o distanciamento social, as pessoas estão mais em casa e os carros, na garagem. Com isso, foi notado uma melhora nos índices de qualidade do ar em diversos países. Assim, mais pessoas estão revendo sua opinião sobre comprar um veículo elétrico no futuro próximo.

Essa foi a conclusão que um estudo realizado pela Venson Automotive Solutions chegou após entrevistar no Reino Unido uma quantidade não revelada de pessoas que estão em momento de compra ou pensando em trocar de veículo em um futuro próximo. Nesse cenário, 45% dos entrevistados afirmaram que a melhoria da qualidade do ar em tempos de isolamento os fizeram considerar mais a compra de um veículo elétrico.

Outros 17% dos consultados disseram que tal reflexo positivo do distanciamento social globalmente apenas reforçou a decisão de se adquirir um carro elétrico. Dos 45% que estão reconsiderando a compra de um elétrico, 19% afirmaram que o seu próximo veículo com certeza será elétrico. Os 26% disseram que a compra de um elétrico deve ocorrer nos próximos cinco anos. Em 2019, 31% dos participantes afirmavam que não teriam um carro elétrico nos próximos dez ou quinze anos.

“A redução de emissões de poluentes tem sido um tópico importante e uma meta governamental, comercial e pessoal há vários anos, mas ainda assim o crescimento do total de pessoas com veículos elétricos de fato tem sido lento. Isso ocorre mesmo com evidências de que o transporte é responsável por 23% das emissões globalmente e a condução de veículos movidos a gasolina e a diesel contribui com 72% das emissões de gases de efeito estufa do setor de transportes ", disse Alison Bell, executiva da Venson.

Nissan Leaf 2020
Nissan Leaf 2020
Imagem: Divulgação

Assine a newsletter semanal do AUTOO!