Peugeot 208 Roadtrip: versão especial é o canto do cisne do motor 1.6 flex?

Modelo pode ser encontrado em promoção, com descontos que chegam a R$ 5 mil; saiba mais detalhes na avaliação
Peugeot 208 Roadtrip

Peugeot 208 Roadtrip | Imagem: Carlos Guimarães

Lembro bem quando surgiu o motor 1.6 flex no Peugeot 208 da primeira geração, em março de 2013. Foi o primeiro modelo fabricado em larga escala no Brasil sem o tanquinho de partida a frio (houve o VW Polo E-Flex antes, mas era uma série limitada), já que veio com bicos aquecidos no sistema de injeção eletrônica. 

VEJA TAMBÉM:

De lá para cá esse motor 1.6, que logo que foi lançado se chamava "Flex Start",  passou por algumas mudanças, mas mesmo assim não deverá ser o suficiente para passar nas novas normas de emissões que entrarão em vigor em janeiro de 2025. Portanto, o 208 Roadtrip (R$ 105.990) que avaliamos pode ser o último modelo a ter esse motor.

Não é à toa que a Peugeot está dando bons descontos. Essa versão Roadtrip vem bem equipada, tem itens exclusivos e pode ser encontrado por R$ 100.900, ou R$ 5 mil a menos que o preço de tabela. Mas será que vale a pena? Isso veremos a seguir. E o fim do motor 1.6 não significa que essa versão também sairá de linha, já que poderá voltar com motor 1.0 turboflex e com os retoques no desenho das demais versões.

Sim, o Peugeot 208 vindo da Argentina está para chegar com mudanças, seguindo o que já foi adotado no mercado europeu. Além dos novos detalhes no desenho, o carro deverá ficar com acabamento mais caprichado e ganhar central multimídia atualizada, entre outras novidades. 

Um hatch bem equipado

Peugeot 208
Peugeot 208 Roadtrip tem cluster digital 3D e volante achatado em cima e embaixo
Imagem: Divulgação

Quanto às nossas impressões ao volante do 208 Roadtrip, o destaque fica por conta da lista de equipamentos bem recheada. Entre outros itens, o carro conta com tem i-Cockpit 3D, teto panorâmico, Visiopark 180, carregador por indução, Interior Dark (ambientação escura), bancos de couro/tecido/alcântara com pesponto laranja e etiqueta Road Trip, volante Sport Drive revestido de couro, adesivos Road Trip, aerofólio em Black Piano, faróis full led, rodas Kanobi 16” Black Diamond, tapete com bordado e soleira Peugeot.

Mas no dia a dia sentí falta do acendimento automático de farol, o que obrigou a ficar usando o botão manual o tempo todo em um carro que passa dos R$ 100 mil. Além disso, o espaço no banco  traseiro é apertado para adultos que tenham mais de 1,70 m de altura e o porta-malas de 265 litros não é dos maiores do segmento de hatches compactos. De resto, se você espera uma agilidade um pouco acima da média, vai se decepcionar. 

O motor 1.6 flex rende razoáveis 120 cv, mas o toque de 15,7 kgfm está disponível apenas em altos 4.500 rpm, o que prejudica as retomadas, ainda mais com a nova calibragem do câmbio automático de seis marchas que acabou levando a mais trancos entre as trocas. O jeito é ir devagar com o andor e curtir o teto solar panorâmico e cluster 3D, principalmente à noite. Além disso, pisando de leve no acelerador, o carro acaba tendo um consumo pláusível. 

Conforme dados do Inmetro, o 208 Roadtrip 1.6 pode fazer 11,1 km/l na cidade e 12,9 km/l na estrada com gasolina, dados que passam para 7,7 km/l e 9,1 km/l com etanol, respectivamente. Com tanque de 47 litros, o carro tem autonomia teórica de 362 km em trechos urbanos com etanol. Além disso, a direção é leve nas manobras e bem ajustada conforme o aumento da velocidade. 

A suspensão com ajuste mais rígido junto com a baixa posição de dirigir são um convite para uma direção mais esportiva, mas a falta de fôlego do motor 1.6 bem como o ajuste mais voltado para economia do câmbio automático não animam. Talvez, se o 208 Roadtrip vir a ser oferecido com motor 1.0 turboflex, isso mude de figura.

Veredicto

Se estiver à procura de um hatch compacto estiliso, bem equipado, com boa relação entre custo e benefício e não precise de muito espaço tanto no banco traseiro quanto no porta-malas, o Peugeot 208 pode ser uma boa pedida. Mas é bom lembrar que o carro está prestes a receber uma série de novidadades, o que deve acontecer no segundo semestre deste ano de 2024. 

Peugeot 208 Roadtrip
Peugeot 208 Roadtrip tem rodas de aro 16, sensores nos para-choques,entre outros itens de série
Imagem: Carlos Guimarães

Siga o AUTOO nas redes: WhatsApp | LinkedIn | Youtube | Facebook | Twitter

 

Recomendados por AUTOO

Youtube
Nova Chevrolet Spin 2025

Nova Chevrolet Spin 2025

Minivan renovada quer fazer frente aos quase SUVs do mercado
Aviação
Argentina terá caças F-16

Argentina terá caças F-16

Jato supersônico é rival do Saab Gripen, da Força Aérea Brasileira. Veja quantos aviões nossos vizinhos compraram
AUTOO
Siga o AUTOO em nosso canal no WhatsApp

Siga o AUTOO em nosso canal no WhatsApp

Acompanhe as notícias sobre automóveis do site de forma mais rápida e prática!