Primeiro SUV elétrico da marca, VW ID.4 consegue ir de SP ao RJ com uma carga

Em teste conduzido pela marca, modelo percorreu com tranquilidade os mais de 450 km
VW ID.4 em seu destino no Pier Mauá, centro do Rio de Janeiro

VW ID.4 em seu destino no Pier Mauá, centro do Rio de Janeiro | Imagem: Divulgação

Experimento interessante foi realizado pela Volkswagen e nos permite ter uma ideia bem clara de como a autonomia dos carros elétricos mais modernos já se equipara com a de automóveis térmicos convencionais, ainda que colocando de lado a questão da infraestrutura para recarga em desenvolvimento no país. 

Uma unidade do Volkswagen ID.4, o primeiro SUV 100% elétrico da marca alemã, foi conduzido por André Drigo, gerente executivo do desenvolvimento do produto, entre os estados de São Paulo e Rio de Janeiro. 

O percurso teve início na sede da Volkswagen do Brasil, em São Bernardo do Campo, e foi até o Pier Mauá, no Porto Maravilha, centro do Rio de Janeiro. 

O VW ID.4 utilizado no teste foi uma unidade na versão First Edition Max, com bateria de 77 kWh. O elétrico conta com 204 cv de potência e sua autonomia oficial é de 522 km de acordo com o ciclo WLTP. 

VW ID.4: elétrico cobriu com folga a distância entre SP e RJ
VW ID.4: elétrico cobriu com folga a distância entre SP e RJ
Imagem: Divulgação

Segundo a VW, o modelo saiu completamente carregado da fábrica da marca no ABC Paulista e o deslocamento totalizou 456 km, efetuado sem qualquer parada para recarga. 

Na capital fluminense, o ID.4 ainda contava com uma autonomia adicional para 131 km, enquanto a bateria registrava 18% de carga restante.   

A equipe de engenharia da Volkswagen do Brasil saiu da fábrica Anchieta por volta das 6h da manhã com uma temperatura de 17 graus. O ID.4 circulou com o motorista e mais um passageiro durante os 456 km e a velocidade média foi de 65 km/h. O SUV ainda conseguiu uma regeneração de 2% de carga no trecho da Serra das Araras, o que rendeu 28 km extras de autonomia total. Na chegada ao Rio, os termômetros apontavam 30 graus”, relata a fabricante. 

Avaliação contou com o uso normal do carro, com ar-condicionado ligado e todos os sistemas operando
Avaliação contou com o uso normal do carro, com ar-condicionado ligado e todos os sistemas operando
Imagem: Divulgação

Outro ponto importante é que Drigo e a equipe da VW adotaram um uso tradicional do veículo, ou seja, com o ar-condicionado ligado (ajustado para 22 graus) e todos os sistemas de infoentretenimento e segurança ativados. 

Moderno, o ID.4 conta com assistente de permanência em faixa, piloto automático adaptativo, detector de pontos cegos, alerta de colisão com frenagem autônoma, entre outros itens, como a suspensão adaptativa. 

Segundo a VW, o ID.4 até o momento participa de feiras, eventos e encontros com diferentes públicos para demonstrar as tecnologias da marca no segmento de carros elétricos. O SUV é cotado para estrear no mercado brasileiro, ao lado do ID.3.

VW ID.4 em seu destino no Pier Mauá, centro do Rio de Janeiro
VW ID.4 em seu destino no Pier Mauá, centro do Rio de Janeiro
Imagem: Divulgação

César Tizo

O "Guru dos Carros", César Tizo se juntou ao time este ano e está à frente dos portais AUTOO e MOTOO. É o expert em aconselhar a compra de automóveis

Recomendados por AUTOO

Youtube
RAM Rampage Laramie a diesel

RAM Rampage Laramie a diesel

Será que ainda é vantajoso ter picape com motor turbodiesel?
Aviação
Força Aérea Brasileira confirma: quer caças F-16 dos EUA

Força Aérea Brasileira confirma: quer caças F-16 dos EUA

Mas nega que isso possa atrapalhar operação dos novos Gripen suecos
MOTOO
A partir de R$ 8,5 mil: motos Shineray, Honda e Yamaha

A partir de R$ 8,5 mil: motos Shineray, Honda e Yamaha

Lista reúne as 10 motos mais baratas do Brasil em maio de 2024. Descubra as opções