Recall do Chevrolet Bolt EV por risco de pegar fogo atinge 140 mil carros

GM convocou na América do Norte o elétrico para reparo. Em caso de acidente, incêndio pode começar no carpete; entenda
Chevrolet Bolt EV 2019

Chevrolet Bolt EV 2019 | Imagem: Divulgação

A GM anunciou o recall do Chevrolet Bolt EV por risco de incêndio de modelos 2017 a 2023. Existe um potencial de o carpete do carro elétrico pegar fogo após se envolver em acidente, o que levou a empresa a realizar o chamado de 140 mil unidades do veículo na América do Norte, segundo informações da agência Reuters.

Desse total, 111.242 unidades são dos Estados Unidos, como mostra documento da NHTSA, a agência nacional de segurança no trânsito. Em um primeiro momento, não tivemos acesso a informações se o recall irá afetar outras regiões e países no futuro, como o Brasil. Esta não é a primeira vez que a linha Bolt é convocada para recall por risco de pegar fogo; no passado, um defeito nas baterias levou a esta possibilidade.

VEJA TAMBÉM:

Chevrolet Bolt EV 2019
Chevrolet Bolt EV 2019
Imagem: Divulgação

Qual o motivo do fogo no Bolt?

Neste novo recall, a falha pode ocorrer quando, em um acidente, o pré-tensionador do cinto de segurança for acionado. A partir daí, o exaustor do pré-tensionador pode inflamar as fibras do carpete próximas à coluna B, causando o incêndio.

Para o reparo, as instalarão uma folha de metal no carpete perto da exaustão do pré-tensionador, e uma tampa do pré-tensionador se necessário. Nos Estados Unidos, a previsão é que os consertos comecem em 30 de janeiro de 2023. 

MAIS SOBRE CARROS

Recomendados por AUTOO

Youtube
Fiat Fastback Abarth

Fiat Fastback Abarth

SUV Cupê tem veneno na medida certa
Aviação
Áustria terá ajuda da Holanda para comprar seus Embraer KC-390

Áustria terá ajuda da Holanda para comprar seus Embraer KC-390

Rival do Hercules deve chegar ao país da Europa em 2027
MOTOO
Veja os preços da nova Zontes 350!

Veja os preços da nova Zontes 350!

Novas T350, T350x, R350 e V350 aparecem em site da empresa