Sedã Logan completa 10 anos

Modelo na nasceu na Romênia com a Dacia e já vendeu mais de 2,7 milhões de unidades

O Dacia Logan foi lançado em 2004 | Imagem: Renault

O Renault Logan, quem diria, chegou aos 10 anos. Desenvolvido para ser um dos carros mais baratos da Europa, onde custa € 5.700 (R$ cerca de R$ 17 mil, sem impostos), o modelo virou sucesso em mercados emergentes e se espalhou por mais de 50 países e até 2013 vendeu 2.765.309 unidades, segundo números da marca.

Mas o Logan não é francês, ele é romeno. O carro é um projeto da Dacia, empresa que foi comprada pela Renault em 1999. Especializada em carros de baixo custo e com a injeção de recursos, a marca do leste europeu lançou o sedã em 2004.

Avaliação: Novo Logan traz mesma receita com mais capricho

Influenciada pela indústria da antiga União Soviética, a Dacia criou o Logan para ser um carro barato e com menor custo de manutenção. Por isso, ele tem menos peças, cerca de 3.000 – contra 5.000 de outros carros do segmento –, o que reduz os custos com produção e facilita reparos. Essa característica é, aliás, a explicação para o visual “controverso” das primeiras versões do carro, que era repleto de peças retas, que são mais fáceis de trocar em caso de batidas.

O Logan chegou ao Brasil em 2006 com produção em São José dos Pinhais (PR), e se tornou uma opção acessível entre os sedãs compactos. Veio com versões com motor 1.0 e 1.6 e uma “preparo” brasileiro com mudanças no acabamento e visual que deixou o carro com um aspecto mais refinado. Em 2010, a versão nacional foi reestilizada e no final de 2013 a Renault lançou a nova linha, uma “meia” nova geração, com visual bastante reformulado mas com a parte mecânica mantida.

A Dacia fez até uma comemoração discreta e lançou a edição edição especial “10 Ani” do Logan na Europa. O carro vem com rodas aro 16”, ar condicionado digital, barras laterais e o selo de identificação da série nas colunas traseiras. Quem quiser ainda pode incluir GPS, bancos de couro e controlador de velocidade de cruzeiro (“piloto automático”) e as opções de motor são 1.2 16 a gasolina de 75 cv ou 1.5 turbodiesel também com 75 cv.

Atualmente, o Logan é produzido no Brasil, África do Sul, Colômbia, Índia, Irã, Marrocos, Romênia e Rússia. No México, o sedã é vendido como Nissan Aprio. Houve também uma tentativa de fazer uma fazer versão com a Mahindra, parceira da Renault na Índia, mas a ideia não foi adiante.

Recomendados por AUTOO

Youtube
Fiat Strada: qual o segredo de sucesso da picape?

Fiat Strada: qual o segredo de sucesso da picape?

5 pontos que explicam por que o veículo vende tanto até hoje
Aviação
Embraer revela seu primeiro táxi-voador!

Embraer revela seu primeiro táxi-voador!

Veículo elétrico ainda não leva pessoas e será testado em voo ainda em 2024
MOTOO
Royal Enfield Guerrilla 450: todos os detalhes e 50 fotos

Royal Enfield Guerrilla 450: todos os detalhes e 50 fotos

Conheça preço, ficha técnica, desempenho, motor cores e versões da moto confirmada para o Brasil