Chris Bangle já saiu, mas seu legado permanece. O polêmico ex-designer da BMW viu hoje a sua última criação conhecida dar o ar da graça, o Série 5 Gran Turismo. E mais uma vez causará celeuma entre os fãs da marca alemã.

Em vez de seguir a tendência mundial e criar um cupê de quatro portas, como já fizeram Mercedes-Benz, Volkswagen e Aston Martin, Bangle colocou mais ingredientes na fórmula e transformou o Série 5 GT numa mistura de cupê com sedã e utilitário esportivo.

A grande diferença estética do novo BMW é a traseira curta com a tampa do porta-malas dividida em duas partes. Lembra o X6, outro modelo original da marca, mas é mais baixo e sem atributos de off-road. Embora use a designação da Série 5, o GT tem visual diferente a ponto de ser um consenso que ele antecipe a nova geração do sedã, que deve ser lançada em 2010.

Versatilidade

Fica claro que a BMW quis reunir diversos atributos diferentes em um só carro. A posição de dirigir, por exemplo, é mais alta que a de um sedã. Os bancos traseiros oferecem espaço semelhante ao do Série 7 ou, se o proprietário preferir, podem avançar 10 cm, manter o conforto e ampliar o porta-malas de 440 para 590 litros.

Ao contrário do que possa parecer, o compartimento de bagagem é isolado da cabine de passageiros, assim como num sedã. Das peruas e minivans, a BMW trouxe o teto solar panorâmico e a versatilidade de configurações. A tampa do porta-malas, como citado, pode ser aberta no todo ou apenas uma peça, dependendo do tamanho do objeto a ser transportado.

São três versões disponíveis: 535i e 550i, ambas com motores a gasolina, e 530d, a diesel. A primeira usa um 6 cilindros em linha de 306 cv, a segunda, V8 de 407 cv e a terceira, um seis cilindros também, de 245 cv. A 550i acelera de 0 a 100 km/h em 5,5 segundos, a 535i, em 6,3 segundos e a 530d, em 6,9 segundos. Todos os três são equipados com o novo câmbio automático de oito marchas inaugurado pelo Série 7.

O consumo da versão a diesel é impressionante – são apenas 15,4 km/l em média, valores de um carro popular a gasolina. No mais, o Série 5 GT apresenta toda a sorte de equipamentos eletrônicos vistos em outros modelos da BMW como sistema ativo de direção, controles de tração, frenagem, estabilidade e programas de condução esportivos ou para trechos urbanos.

Clique na foto acima para conferir a galeria com 14 imagens do Série GT e clique aqui para comentar o que você achou do novo BMW.

Conheça os carros mais vendidos do Brasil nos últimos 10 anos

Ricardo Meier

Publisher do AUTOO, é o criador do site e tem interesse especial pelo sobe e desce do mercado, analisando os números de vendas de automóveis todos os meses

Ricardo Meier | http://www.jcceditorial.com.br/