Sucesso do Onix vitima Agile e Celta

Novo hatch da Chevrolet virou modelo mais vendido do país no varejo, mas 'fogo amigo' fez vítimas dentro da própria marca

Chevrolet Onix | Imagem: divulgação

Os números não mentem: o Onix é o hoje o carro mais vendido no Brasil no varejo, segundo a Fenabrave. Em outras palavras, é o modelo que mais é procurado por “pessoas físicas”, onde o peso emocional é maior – ao contrário das vendas diretas, onde vale a negociação entre empresas. É uma ótima notícia para a Chevrolet, que vinha de anos no 3º lugar do mercado e agora passou a vice-liderança. Mas o sucesso do hatch compacto fez vítimas dentro da própria marca.

Estamos falando do Celta e, principalmente, do Agile, hatches de entrada que antecederam o Onix. Embora estejam à venda ainda, o volume de emplacamentos dos dois despencou desde então. O no hatchback chegou ao mercado no final de 2012 e até o final deste ano o panorama não se alterou, mas bastou começar o ano seguinte para Agile e Celta sumissem das lojas.

O Celta caiu de quase 10 mil emplacamentos em janeiro de 2013 para pouco mais de 6 mil carros em dezembro do ano passado. Com o Agile, a queda foi parecida: de 3,6 mil unidades para 2,6 mil veículos no mesmo período. Ainda não era o fundo do poço.

Chevrolet Agile
Divulgação

Agile: sumido do mercado por culpa do Onix

Este ano, o Celta continuou a cair. De janeiro, as vendas despencaram de 5,3 mil para apenas 2,1 mil unidades em julho. O argentino Agile praticamente desapareceu do mercado: chegou a ter um pico de 4,6 mil emplacamentos em janeiro, mas no mês passado vendeu somente 272 unidades.

Seleção natural

Segundo a assessoria da GM, o processo é natural: “o Onix é um produto muito interessante e o cliente acaba preferindo levar um veículo que traz, por exemplo, o sistema multimídia MyLink, que equipa 70% dos modelos vendidos”, explica um assessor da montadora.

Se o Celta hoje tem um papel secundário no portfólio mais porque atua numa faixa de mercado que perdeu muitos clientes, o Agile é o mais afetado pelo sucesso do Onix. Quando surgiu, em 2009, ele era o modelo de ponta entre os compactos, com novidades como ar-condicionado automático, conexão com celular e piloto automático. Desses itens, apenas o último é uma exclusividade do modelo perante seu irmão mais recente.

Apesar das vendas modestas, o Agile segue em produção, de acordo com a General Motors. A produção do modelo é feita em Rosario, na Argentina, que está passando por uma rodada de investimentos para produzir, entre outros, a nova geração do Cruze. Se a lei de mercado valer, o Agile e o Celta logo serão mais uma página da história.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!