Toyota retomará atividades no Brasil apenas em junho; confira situação de outras fabricantes

Ao que tudo indica, produção deve retomar níveis normais apenas no segundo semestre
Toyota Yaris 2019

Toyota Yaris 2019 | Imagem: Divulgação

Decisão importante foi anunciada pela Toyota do Brasil nesta segunda-feira (13). A fabricante japonesa decidiu por retornar suas atividades produtivas no estado de São Paulo apenas em junho. Segundo comunicado da empresa, as unidades de São Bernardo do Campo, Indaiatuba e Porto Feliz serão reativadas no dia 22 de junho, enquanto a fábrica de Sorocaba, responsável pela produção das gamas Yaris e Etios, volta a atuar no dia 24 de junho.

A Toyota destaca em seu comunicado que as “novas medidas visam atenuar os riscos à saúde de seus colaboradores e de seus familiares à Covid-19, bem como ajustar suas atividades de produção à queda de demanda”. A empresa ainda destaca que “em acordo com os sindicatos de cada unidade, a partir de 22 de abril parte dos colaboradores - aqueles ligados diretamente à produção - terá suspensão temporária do contrato de trabalho. O acordo aprovado impacta colaboradores horistas e administrativos de todas as áreas e níveis e preserva os salários líquidos entre 75% e 100% do seu valor, conforme a faixa de remuneração de cada colaborador”.

Demais fabricantes

Ao longo dos últimos dias, outras fabricantes instaladas no Brasil anunciaram seus planos de retomada das atividades no país.

A Renault do Brasil decidiu permanecer com seu Complexo Ayrton Senna parado até o dia 3 de maio, retomando as atividades no dia seguinte. “O Sindicado da categoria informou que, em consulta durante plenária, foi reprovada a possibilidade de colocar em ampla votação pelos colaboradores da Renault do Brasil as medidas de flexibilidade previstas na MP 936, que instituiu o Programa Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda, de 1º de abril, mesmo a empresa tendo proposto condições superiores às estabelecidas na medida provisória”, detalha a Renault.

A Honda Automóveis, por sua vez, até o momento está com o retorno da produção previsto para o dia 27 deste mês, sendo que seus “colaboradores permanecem em férias coletivas. Parte do grupo que desempenha atividades administrativas segue em regime de Home Office”, explica a fabricante.

Até o momento a previsão da Fiat Chrysler é voltar a produção de suas fábricas no Brasil (Betim-MG, Goiana-PE e Campo Largo-PR) no dia 21 deste mês.

A Volkswagen não estabeleceu uma data concreta, manifestando que ampliará a “suspensão da produção em todas as quatro fábricas no País até o final do mês de abril, em decorrência dos impactos da Covid-19. A partir dessa data, a produção será retomada de acordo com a programação da cadeia de suprimentos e de logística de cada fábrica. Durante este período os empregados estarão em férias coletivas, medida que faz parte das ferramentas de flexibilização previstas em Acordo Coletivo de Trabalho”, explicou a fabricante em seu mais recente comunicado sobre o assunto.

É bom destacarmos que o ritmo de expansão do novo coronavírus até o momento não deu sinais de estabilização no Brasil, portanto é de se esperar que nos próximos dias as fabricantes que estavam planejando a volta de suas atividades para este mês ou para o começo de maio devam rever o cronograma.

O período estabelecido pela Toyota, como destacamos no início da notícia, parece ser o mais coerente até o momento para que as fabricantes voltem a produzir no Brasil. Na tarde de ontem (domingo), o número de infectados pelo novo coronavírus é de 22.169. Isso representa um aumento de 1.442 casos em relação ao balanço divulgado no dia anterior. O número de mortes chegou a 1.223. A taxa de letalidade do vírus vem crescendo no Brasil e chegou a 5,5%. O estado de São Paulo ainda concentra o maior número tanto de casos (8.755) quanto de mortes (588). O Rio de Janeiro continua sendo o segundo estado com mais registros de contaminação. São 2.855 casos e 170 mortes. Na Região Norte, o Amazonas concentra o maior número de casos, com 1.206 e 62 mortes.

Acima a linha de produção em Sorocaba (SP): fábrica pode ser atualizada para receber o inédito SUV compacto
Acima a linha de produção da Toyota em Sorocaba (SP): fábrica produz as gamas Etios e Yaris
Imagem: Divulgação

Recomendados por AUTOO

Youtube
Nova Chevrolet Spin 2025

Nova Chevrolet Spin 2025

Minivan renovada quer fazer frente aos quase SUVs do mercado
Aviação
Argentina terá caças F-16

Argentina terá caças F-16

Jato supersônico é rival do Saab Gripen, da Força Aérea Brasileira. Veja quantos aviões nossos vizinhos compraram
AUTOO
Siga o AUTOO em nosso canal no WhatsApp

Siga o AUTOO em nosso canal no WhatsApp

Acompanhe as notícias sobre automóveis do site de forma mais rápida e prática!