Vedete no Brasil, Smart perde apelo nos EUA

Vendas do pequeno ForTwo caem 60% este ano e o preço alto é um dos motivos da rejeição

Smart ForTwo 2011 | Imagem: Smart

Se no Brasil ele surpreendeu a própria Mercedes, dona da marca Smart, o ForTwo já não tem agradado tantos os norte-americanos. O carrinho urbano de dois lugares vende cada vez menos na terra de Tio Sam.

Se em 2008 foram emplacados quase 25 mil unidades no ano passado esse total mal passou de 14 mil e em 2010 o volume já é 60% menor.

Não há um motivo claro para isso, mas os consumidores do país perderam o encanto com ele. Segundo pesquisas, apenas 20% dos compradores da cidade de San Francisco continuariam com ele enquanto a taxa de reprovação entre os nova-iorquinos é mais alta ainda – 91% não voltariam a comprá-lo.

Por outro lado, com a crise financeira perdendo força, as vendas de carros maiores voltaram a ganhar força e o preço alto do ForTwo – em torno de US$ 14 mil – pode ter influenciado isso.

A Smart americana agora tenta reverter a situação com campanhas de marketing que, curiosamente, até agora ignoraram a internet, onde está boa parte do seu público.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!