Volkswagen pode ressuscitar o Gol GT

Versão esportiva completará 30 anos em 2014 e deve voltar como série especial mais potente

Série especial do Gol GT pode ficar assim | Imagem: Blogauto

Os primeiros anos de vida do Gol não se parecem em nada com os atuais em que o carro da Volkswagen lidera com tranquilidade o ranking de vendas no Brasil. Quando surgiu, em 1980, o hatch parecia mais um tremendo erro de marketing, tamanho foram os problemas do modelo.

Tudo começou a mudar em 1984 quando a Volks corrigiu alguns defeitos de nascença do modelo e soube criar uma versão que mudou sua imagem, a GT. Com motor 1.8 litro refrigerado a água de 99 cv, o hatch com pinta de esportivo agradava não só no visual agressivo como também nos arroubos de performance para a época. Era o início da era de ouro da mecânica da VW em que o motor AP e o câmbio de trocas curtas e precisas viraram referência no mercado, claro que infladas pelo fato de o Brasil ser um país fechado para modelos importados.

Pois é esse Gol GT que a Volkswagen pode ressuscitar em 2014, para comemorar os 30 anos do modelo. Segundo apurou com exclusividade o site Blogauto, a montadora alemã já registrou a marca “Gol GT” no INPI e pode usá-lo como uma série especial equipada com o novo motor 1.6 de 16V que estreará este ano em alguns carros da linha. O propulsor, com 120 cv, pode conferior ao modelo a esportividade necessária para justificar sua volta.

O site também produziu uma projeção de como pode ficar o Gol GT 2014, com novas rodas, para-choque pronunciado e alguns elementos inspirados no Golf GTI, que chegou ao País no ano passado.

Gol G6 a caminho

Após ver o Gol G4 ser aposentado compulsoriamente pelo programa Inovar-Auto, a Volks precisará de novos trunfos para manter o Gol como o líder do mercado brasileiro e as séries especiais podem ser uma boa saída até que a nova geração do modelo seja lançada, em 2015.