Volvo muda motor dos modelos S60, V60 e XC60

Linha 60 passa a contar com novos e exclusivos motores turbo mais eficientes, além de transmissão de oito velocidades. Preços subiram de R$ 3 mil a R$ 4 mil

S60 com motor Drive-E | Imagem: Volvo

A nomenclatura é a mesma de antes, mas quanta diferença no conteúdo. A Volvo apresentou nesta semana sua nova linha de motores, que segue os preceitos de eficiência atuais como motor turbo, bloco de alumínio, sistema Start-Stop e função que reduz as perdas em situações em que não há exigência de potência plena. A linha foi batizada de ‘Drive-E’, mas continua recebendo as siglas T4, T5 e T6, que remetem ao tempo em que a referência era a quantidade de cilindros.

“Agora a Volvo mudou essa regra já que todos os motores são 4 cilindros 2.0, nesse caso”, explicou um executivo da marca. “A diferença é que essas siglas definem a faixa de potência do motor”, completa.

A ideia foi tornar os novos motores modulares, ou seja, que possam compartilhar vários componentes. Por isso até uma a versão a diesel faz parte da família, apesar das diferenças de funcionamento.

Por enquanto, os consumidores brasileiros verão apenas o T5 nos carros da Volvo. A linha 60, que engloba o sedã S60, a perua V60, e o SUV XC60, foi escolhida para estrear a novidade. No caso dos dois primeiros, apenas a versão R-Design é vendida, já o utilitário terá o motor nas versões Dynamic  e R-Design, mas continua a ser vendido com o T6 antigo nos modelos mais caros.

O novo T5 possui 245 cv de potência e quase 36 quilos de torque, mais do que o modelo anterior, porém, as vantagens mais significativas estão no peso 23 kg menor e na faixa de torque máximo, que é mais plana e se inicia em rotação mais baixa. Para completar o pacote, a Volvo passou a equipar esses modelos com uma transmissão automática de oito velocidades produzida pela japonesa Aisin.

A combinação tornou o XC60, por exemplo, quase um segundo mais veloz do que antes e, ao mesmo tempo, 27% mais econômico na estrada, segundo a Volvo. A contrapartida vem no bolso: os modelos da linha 60 estão entre R$ 3 mil e R$ 4 mil mais caros do que antes. Com bom uso, dá para recuperar a diferença na bomba de combustível.

Veja os preços da linha 60 2015:

S60 T5 Drive-E R-Design - R$ 157.950
S60 T6 R-Design  - R$ 205.950
V60 T5 Drive-E R-Design - R$ 162.950
V60 T6 R-Design - R$ 209.950
XC60 T5 Drive-E Dynamic - R$ 162.950
XC60 T5 Drive-E R-Design - R$ 193.950
XC60 T6 Top - R$ 224.950
XC60 T6 R-Design - R$ 249.950

Assine a newsletter semanal do AUTOO!