Aliança Renault-Nissan celebra 100 mil carros elétricos produzidos

Nissan Leaf é o principal produto dessa linha e a marca francesa tem outros quatro modelos

Sistema de recarga rápida que leva 30 minutos para chegar a 80% de capacidade | Imagem: Divulgação

A aliança formada pelas montadoras Nissan e Renault é atualmente o grupo automotivo que mais investe em automóveis com propulsão elétrica. Presente nesse nicho desde 2011, quando a Nissan lançou o Leaf, a parceria comemorou nesta semana a produção de 100 mil veículos elétricos, consolidando as marcas como as maiores nessa categoria.

Embora tenha apenas um carro movido por eletricidade, o Leaf, a Nissan responde por 71% de todo volume de veículos alternativos vendidos pela aliança. No lado da Renault, os produtos são o Twizy, Zoe, Kangoo Z.E e Fluence Z.E.

Especial: Vou de táxi, elétrico!

Segundo comunicado das empresas, o maior mercado desses carros atualmente é os Estados Unidos, com mais de 30% das vendas. Em seguida vem o Japão, com 28% dos emplacamentos, e países na Europa, que respondem por uma fatia de 12%. No Brasil a presença dos carros elétricos da Renault-Nissan ainda é discreta, com poucas unidades do Nissan Leaf atuando como táxis em São Paulo (SP) e no Rio de Janeiro (RJ).

Veja mais: Renault Twizy dá adeus ao trânsito e à poluição

Além de desenvolver os automóveis elétricos que não emitem gases poluentes, as montadoras também trabalham na infra-estrutura que requer esse tipo de veículo. O outro grande produto do grupo nesse campo são os carregadores rápidos de bateria, que repõem até 80% da energia em cerca de 20 minutos. Na rede elétrica convencional, o tempo de recarga completa dos carros pode se estender por mais de 8 horas.

Recomendados por AUTOO

Youtube
RAM Rampage Laramie a diesel

RAM Rampage Laramie a diesel

Será que ainda é vantajoso ter picape com motor turbodiesel?
Aviação
Força Aérea Brasileira confirma: quer caças F-16 dos EUA

Força Aérea Brasileira confirma: quer caças F-16 dos EUA

Mas nega que isso possa atrapalhar operação dos novos Gripen suecos
MOTOO
A partir de R$ 8,5 mil: motos Shineray, Honda e Yamaha

A partir de R$ 8,5 mil: motos Shineray, Honda e Yamaha

Lista reúne as 10 motos mais baratas do Brasil em maio de 2024. Descubra as opções