Os 20 leilões de carros mais caros da história

Raridades deixam para trás modelos recentes como o Bugatti La Voiture Noire
Duesenberg SSJ 1935

Duesenberg SSJ 1935 | Imagem: Reprodução internet

Carro é um bem de consumo que costuma perder valor durante os anos. No entanto, há exceções, já que alguns veículos são tão raros que acabam custando cada vez mais com o passar dos anos. É o caso deste 20 modelos que foram leiloados nos últimos anos e que se tornaram os carros mais caros da história.

Confira a seguir a relação completa, que foi feita originalmente pelo site Autoweek. A página reuniu os valores dos arremates das principais casas de leilão, como a RM Sotheby’s, Gooding & Company, Bonhams e Artcurial.

20º - Ferrari 250 LM 1964 - US$ 17,6 milhões

A linhagem 250 da Ferrari é uma das mais cobiçadas da história. Lançada em 1964, a versão 250 LM foi eternizada na disputa das 24 Horas de Le Mans de 1965, quando venceu a corrida. Apenas 32 unidades foram construídas, todas utilizando o motor V12 de 320 cv de potência. O modelo vendido pela RM Sotheby’s em 2015 era o de chassi nº 6105,e foi arrematado por US$ 17,6 milhões.

19º - Ferrari 250 GT LWB California Spyder Competizione 1959 - US$ 18,1 milhões

Outro modelo da família 250, este Ferrari é ainda mais raro, já que apenas nove carros foram feitos. A unidade vendida pela Gooding & Company foi arrematada por US$ 18,1 milhões em 2016. Seu chassi é o nº 1603.

18º - Ferrari 375 Plus Spider 1954 - US$ 18,3 milhões

Lançado em 1954, o Ferrari 375 Plus Spider é outro modelo da marca italiana na lista. Vencedor de grandes corridas, como os 1.000 km de Buenos Aires e as 24 Horas de Le Mans, o carro só teve oito unidades produzidas e foi leiloado pela Bonhams em 2014 por US$ 18,3 milhões.

17º - Ferrari 250 GT SWB California Spyder 1961 - US$ 18,4 milhões 

O colecionador Roger Baillon deixou diversos carros raros escondidos em celeiros. Este Ferrari era um deles, e logo se mostrou o mais valioso de todos, já que tinha a pintura original. Por isso ele foi vendido pela Artcurial em 2015 por US$ 18,4 milhões.

16º - Alfa Romeo 8C 2900B Touring Berlinetta 1939 - US$ 18,9 milhões

O primeiro carro sem ser da Ferrari na lista é justamente de outra marca italiana. O Alfa Romeo 8C é um clássico dos anos 1930 e tem um dos designs mais bonitos de todos os tempos, além de ser o carro de produção mais rápido do mundo na época de seu lançamento. Apenas cinco unidades foram construídas, sendo que uma delas foi vendida em 2019 pela Artcurial por US$ 18,9 milhões.

15º - Alfa Romeo 8C 2900B Lungo Spider por Touring 1939 - US$ 19,8 milhões

Outra versão do clássico 8C, sendo esta conversível, o modelo teve apenas 12 unidades produzidas. Em 2016, a RM Sotheby’s leiloou uma delas por US$ 19,8 milhões.

14º - McLaren F1 LM 1994 - US$ 19,8 milhões

Projetado por Gordon Murray, que foi o responsável pelos carros de F1 que deram os primeiros títulos de Nelson Piquet, na Brabham, e Ayrton Senna, na McLaren, o McLaren F1 é um clássico moderno. A versão LM é a mais cara do supercarro de 618 cv, sendo que apenas seis unidades foram construídas. Em 2019, uma delas foi leiloada por US$ 19,8 milhões pela RM Sotheby’s.

13º - McLaren F1 1995 - US$ 20,5 milhões

O modelo tradicional do supercarro também é um dos recordistas. Com apenas 390 km em seu hodômetro, este carro era praticamente 0km quando foi leiloado. Por conta disso, ele foi arrematado por US$ 20,5 milhões em um leilão da Gooding & Company.

12º- Aston Martn DP215 1963 - US$ 21,4 milhões

Fabricado em 1963, este carro disputou as 24 Horas de Le Mans com o campeão mundial de F1 Phil Hill e o piloto belga Lucien Bianchi ao volante. Em 2018, o carro foi leiloado pela RM Sotheby’s por US$ 21,4 milhões.

11º - Jaguar D-Type 1955 - US$ 21,7 milhões

Carro vencedor das 24 Horas de Le Mans de 1956, este modelo é um dos mais clássicos da história da Jaguar. Esta unidade não era pintada com o tradicional verde britânico, mas sim um o azul escocês, já que sua equipe era da Escócia. O carro foi leiloado pela RM Sotheby’s em 2016, sendo vendido por US$ 21,7 milhões.

10º - Duesenberg SSJ 1935 - US$ 22 milhões 

O carro americano conta com um exótico motor de oito cilindros em linha com dois superchargers e 400 cv de potência. Isso em um carro dos anos 1930. Apenas duas unidades foram construídas, e uma delas foi leiloada por US$ 22 milhões em 2018.

9º- Ferrari 290 MM 1956 - US$ 22 milhões

Construído para competir na Millie Miglia de 1956, este carro da Ferrari é outra raridade da marca, com apenas quatro unidades construídas. Por isso o carro chassi nº 0628 foi vendido em 2018 por US$ 22 milhões.

8º - Aston Martin DBR1 1956 - US$ 22,5 milhões

Um dos carros mais vencedores da história da marca, o Aston Martin DBR1 teve poucas unidades fabricadas. A primeira delas foi leiloada em 2017 por US$ 22,5 milhões.

7º- Ferrari 275 GTB/C Speciale by Scaglietti 1964 - US$ 26,4 milhões

Feito para competir com o Ford GT40 e o Shelby Cobra, ele era uma versão apimentada do 275 tradicional. Apenas três unidades foram feitas e uma delas foi leiloada em 2014 por US$ 26,4 milhões.

6º- Ferrari 275 GTB/4 NART Spyder 1967 - US$ 27,5 milhões

Com 300 cv de potência em seu V12, que era um número bem alto para sua época, o 275 GTB/4 NART é outro carro raro da Ferrari, com apenas 10 unidades feitas. Ele rendeu US$ 27,5 milhões em um leilão.

5º- Ferrari 290 MM 1956 - US$ 28 milhões

Outra unidade do 290 MM foi responsável por mais um recorde nos valores dos leilões. Este carro foi feito para que o pentacampeão mundial de F1 Juan Manuel Fangio participasse da Millie Miglia de 1956. Foi arrematado por US$ 28 milhões.

4º- Mercedes-Benz W196R 1954 - US$ 29,6 milhões

Carro da Mercedes-Benz nas temporadas 1954 e 1955 de Fórmula 1, o modelo foi o responsável por levar Fangio ao título nesses dois anos. Por isso uma das unidades do modelo foi leiloada por US$ 29,6 milhões em 2013.

3º- Ferrari 335 Sport Scaglietti 1957 - US$ 35,7 milhões

Um dos carros mais bonitos da história da Ferrari, o modelo de corrida brilhou também nas pistas. Apenas quatro unidades foram construídas, sendo que uma delas foi leiloada por US$ 35,7 milhões.

2º - Ferrari 250 GTO Berlinetta 1962 - US$ 38,1 milhões

Qualquer modelo do 250 GTO da Ferrari é capaz de render dezenas de milhões de dólares. É o caso desta unidade, que em 2014 rendeu US$ 38,1 milhões em um leilão. 

1º - Ferrari 250 GTO by Scaglietti 1962 - US$ 48,4 milhões

Como dito anteriormente, o 250 GTO é capaz de valer milhões de dólares. Um unidade 1962 foi vendida por US$ 48,4 milhões em 2018, sendo o terceiro das 36 unidades construídas. Por isso ele é até hoje considerado o carro de leilão mais valioso de todos os tempos. Convertendo pela cotação atual da moeda norte-americana, o valor pago pelo clássico supera R$ 250 milhões! 

Ferrari 250 GTO by Scaglietti 1962
Ferrari 250 GTO by Scaglietti 1962
Imagem: Reprodução internet

Recomendados por AUTOO

Youtube
Toyota Corolla Cross 2025 muda para encarar chineses

Toyota Corolla Cross 2025 muda para encarar chineses

Modelo ganhou novo visual e alguns equipamentos interessantes. Assista
Aviação
Maior avião brasileiro está combatendo incêndios no Pantanal

Maior avião brasileiro está combatendo incêndios no Pantanal

Embraer KC-390 da FAB pode ser convertido para avião bombeiro. Veja como funciona
MOTOO
Bajaj inaugura fábrica no Brasil

Bajaj inaugura fábrica no Brasil

Uma das maiores montadoras do mundo, a gigante indiana construiu fábrica própria em Manaus para produção de motocicletas