Chevrolet Montana pode seguir receita da Fiat Toro na próxima geração

Sucessora da picape compacta será um dos projetos da nova família global de modelos da GM
Projeção de Kleber Silva antecipando o que podemos esperar da próxima geração da Chevrolet Montana

Projeção de Kleber Silva antecipando o que podemos esperar da próxima geração da Chevrolet Montana | Imagem: Kleber Silva

Quem olha hoje o ranking de vendas da categoria nota como a Chevrolet Montana está longe das líderes Fiat Strada e Volkswagen Saveiro na procura por parte dos consumidores.

Apesar do interior já defasado (característica também presente na Strada atual) e que remete claramente ao extinto Agile, a Chevrolet Montana não deixa de oferecer algumas qualidades interessantes, tais como a boa capacidade de carga para 756 kg, a cabine ligeiramente mais espaçosa do que as rivais cabine simples e um econômico motor 1.4.

Se ela, literalmente, não está emplacando muito como uma picape compacta, um dos caminhos que a Chevrolet deverá seguir com a Montana em sua próxima geração será “anabolizar” a picape.

Segundo alguns rumores que correm pela imprensa especializada norte-americana, a GM não vai deixar a Ford sozinha na criação de uma picape compacta-média e vai usar grande parte do projeto do novo Tracker para desenvolver uma Montana nos mesmos moldes do que hoje encontramos na bem-sucedida Fiat Toro.

Clicando na foto principal você acessa nossa galeria de imagens e confere as projeções do designer Kleber Silva sobre o que podemos esperar de uma eventual Chevrolet Montana 2020. 

Fato é que, assim como em especial a Volkswagen tem demonstrado aqui no Brasil, com produtos como o Polo, Virtus, T-Cross e a futura picape Tarok, a nova família global da GM também deverá ser prolífica e dar origem a vários modelos a partir deste ano.

Além dos sucessores de Prisma e Onix, cotados para estrear neste ano como linha 2020, dessa nova família global também sairá o sucessor do Tracker e novos modelos como um SUV de médio porte.

Em conjunto com a nova família global, também teremos a estreia no Brasil dos aguardados propulsores mais eficientes da nova geração da gama Ecotec, que prometem substituir grande parte dos antigos motores que a marca Chevrolet usa em seus carros por aqui.

Certamente vamos falar muito na GM a partir deste ano e traremos todas as novidades para você!  

Assine a newsletter semanal do AUTOO!