Chevrolet pode ter parado de produzir o Cobalt

Sedã tem porte similar ao novo Onix Plus e ainda tem presença forte entre frotas e taxistas
Chevrolet Cobalt 2020

Chevrolet Cobalt 2020 | Imagem: Divulgação

Após apresentar o Onix Plus, a Chevrolet ficou com uma equação não resolvida em mãos: como continuar vendendo o Cobalt, sedã que tem porte e preço similares aos da novidade? Segundo o site Autos Segredos, no entanto, aparentemente a marca já pode ter tomado uma decisão definitiva.

De acordo com a publicação, a marca já parou de produzir o Cobalt entre setembro e outubro de 2019 na fábrica da Chevrolet em São Caetano do Sul (SP). Apesar de ter presença forte entre frotistas e taxistas, o modelo ficou um tanto sem sentido na linha da empresa, ainda sendo montado em uma plataforma mais antiga da Chevrolet.

Enquanto o Cobalt comercializou um total de 21.488 unidades no ano passado, no acumulado de 2019 até novembro foram apenas 12.318 unidades emplacadas, conforme dados da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave). Procurada pelo Autoo, a Chevrolet ainda não se posicionou sobre o tema até o momento.

Lançado em 2011, o Chevrolet Cobalt passou por sua última grande modificação em 2016, já apresentado como linha 2017. Pegando o facelift exibido no ano anterior, o sedã teve o motor atualizado visando maior economia de combustível e, no mesmo sentido, trocou a direção de assistência hidráulica por uma unidade elétrica.

Chevrolet Cobalt 2020
Chevrolet Cobalt 2020
Imagem: Divulgação

Assine a newsletter semanal do AUTOO!