Citroën C3 Aircross europeu tem itens que o brasileiro nem sonha

SUV começa a ser vendido a menos de 20 mil euros com mais tecnologia que o brasileiro
Citroën C3 Aircross 2025

Citroën C3 Aircross 2025 | Imagem: Divulgação

O Citroën C3 Aircross chegou ao Brasil com a proposta de ser espaçoso e barato. E conseguiu até ser vendido por menos de R$ 100 mil em algumas ofertas com um interior simples e uma baixa oferta de equipamentos. Airbags laterais, por exemplo, não é de série na versão mais barata.

Mas, na Europa, a marca mostrou que pode refinar melhor o Aircross e mesmo assim vendê-lo barato. Por menos de 20 mil euros (18.990), cerca de R$ 117 mil em conversão direta, é possível encomendar o novo C3 Aircross em Portugal.

De cara já se vê que a versão européia é mais refinada. Tem faróis e lanternas de LED e até as maçanetas das portas são diferentes. O visual, no entanto, já conhecíamos desde que o modelo foi mostrado em abril.

Citroën C3 Aircross 2025
Citroën C3 Aircross 2025
Imagem: Divulgação

De novidade agora temos a revelação do interior, que segue o hatch C3 europeu. O painel é digital com dois níveis divididos por linhas horizontais que se estendem até à frente do passageiro. As imagens mostram ar-condicionado digital automático e carregador de celular sem fio, itens que passam longe do Aircross brasileiro.

As versões de cinco e sete lugares chegam juntas. Na de cinco lugares, o porta-malas fica um pouco menos que o brasileiro, com 460 litros contra os 493 litros do nacional. Na versão de sete lugares, os bancos adicionais não são removíveis como aqui, mas podem ser rebatidos e deixar o piso do bagageiro plano. A capacidade, com isso, cai para 330 litros.

Citroën C3 Aircross 2025
Citroën C3 Aircross 2025
Imagem: Divulgação

O motor a gasolina disponível é o 1.2 turbo de 101 cv e câmbio manual de 6 marchas. Nos intermediários, o motor 1.2 passa a entregar 136 cv associado a um sistema micro-híbrido de 48 volts e câmbio automatizado de dupla embreagem.

Já o Aircross elétrico usa um motor de 113 cv localizado no eixo dianteiro, alimentado por um conjunto de bateria com capacidade de 44 kWh e autonomia de 300 km no ciclo europeu. Em 2025, segundo a marca, será disponibilizada uma versão equipada com uma bateria diferente, que aumentará a autonomia para mais de 400 km.

Siga o AUTOO nas redes: WhatsApp | LinkedIn | Youtube | Facebook | Twitter

Fernando Pedroso

Apaixonado por carros desde criança, se formou em jornalismo para trabalhar com automóveis. Realiza esse sonho desde 2006, e participando no AUTOO a partir de 2023

Recomendados por AUTOO

Youtube
Fiat Strada: qual o segredo de sucesso da picape?

Fiat Strada: qual o segredo de sucesso da picape?

5 pontos que explicam por que o veículo vende tanto até hoje
Aviação
Embraer revela seu primeiro táxi-voador!

Embraer revela seu primeiro táxi-voador!

Veículo elétrico ainda não leva pessoas e será testado em voo ainda em 2024
MOTOO
Royal Enfield Guerrilla 450: todos os detalhes e 50 fotos

Royal Enfield Guerrilla 450: todos os detalhes e 50 fotos

Conheça preço, ficha técnica, desempenho, motor cores e versões da moto confirmada para o Brasil