Cópia do Evoque estreia na China e Land Rover reage

Landwind X7 é praticamente idêntico ao SUV britânico, mas interior apresenta linhas originais

Landwind X7 | Imagem: PCauto

Apesar de diversas montadoras chinesas estarem em constante evolução, algumas ainda apresentam certo retrocesso com cópias de automóveis conhecidos mundialmente. A Landwind, por exemplo, lançou recentemente na China, durante o Salão de Guangzhou, o novo X7,  SUV médio que deixa evidente por todos os ângulos que a fonte de “inspiração” foi o Range Rover Evoque.

Entre as pequenas diferenças em comparação com o modelo da montadora britânica, o novo Landwind X7 traz para-choques com nova tomada de ar e faróis de neblina diferenciados, nova moldura em plástico preto na base das portas, faróis redesenhados e novo acabamento em preto na tampa do porta-malas, unindo as lanternas. O interior apresenta linhas mais próprias, sobretudo no painel, com destaque para a enorme tela sensível ao toque na parte central.

A parte da motorização é composta por um bloco 2.0 turbo a gasolina de 204 cv e 25,5 kgfm de origem Mitsubishi, com transmissão manual de seis velocidades ou automática de oito marchas.

O X7 já está sendo produzido pela marca na China em parceria com a Chery Automobile Company. O lançamento da novidade por lá, no entanto, está programado apenas para março de 2015. A S.Auto, importadora dos carros da Landwind no Brasil, já informou que o novo SUV vai ser oferecido por aqui a partir do ano que vem, ainda sem preços divulgados.

Land Rover não aprova cópia chinesa

E como já era de se esperar, a Land Rover divulgou uma resposta ao "clone" do Evoque. Numa entrevista ao site Autocar, o diretor executivo da fabricante, Ralf Speth, considera o modelo chinês como um “roubo de propriedade intelectual” (o famoso Intellectual Property, ou apenas IP). “E se você quebrar esse IP, em seguida, você está em violação das normas internacionais que se aplicam em todo o mundo”, disse Speth.

Ainda segundo o executivo, a Jaguar Land Rover vai entrar em contato com a Chery para encontrar uma maneira de contornar essa situação. Caso uma solução não seja encontrada, é provável que as vendas do Landwind X7 sejam barradas em mercado fora da China.