Depois de encarecer, VW Jetta ganha equipamentos

Sedã da Volkswagen, que passou por reajustes no último mês, ganhou um importante acréscimo à lista de itens de série
Volkswagen Jetta 2019

Volkswagen Jetta 2019 | Imagem: Divulgação

No final de fevereiro, a Volkswagen aplicou um reajuste nos preços do Jetta. Com isso, o sedã ficou até R$ 5 mil mais caro e apenas a versão de entrada 250 TSI ficou de fora. A movimentação, que parecia motivada pela chegada do Virtus GTS, na verdade trouxe também novidades ao Jetta.

No site brasileiro da marca, o sedã já está aparecendo como linha 2020/2020 para as versões Comfortline, R-Line e GLI. No entanto, o ano modelo não foi a única alteração aplicada ao Jetta. Agora, as três configurações acima já passam a contar de série com o Active Info Display, o painel de instrumentos digital e configurável da VW.

Porém, esta foi a única mudança aplicada ao modelo que é importado do México. Seus preços permanecem aqueles que apareceram no final de fevereiro: R$ 114.990 para o Jetta Comfortline, R$ 121.990 para o R-Line e R$ 147.990 para o GLI. Os dois primeiros permanecem oferecendo o motor 1.4 turbo flex de até 150 cv de potência e câmbio automático de seis marchas, enquanto o último tem o 2.0 turbo a gasolina de 230 cv e câmbio automatizado de dupla embreagem.

Será o fim do Jetta de entrada?

Única configuração do Jetta a se manter abaixo dos R$ 100 mil, a 250 TSI utiliza o mesmo motor 1.4 e câmbio automático das versões Comfortline e R-Line, mas, além de não ter subido de preço e permanecer custando R$ 99.990, esta versão ainda aparece como linha 2019 no site da Volkswagen.

Apesar de ser cedo para dizer que o Jetta 250 TSI pode ser descontinuado, nos últimos meses tal versão tinha encontrado mercado com as locadoras como opção mais premium de aluguel, além de terceirização de frota. No entanto, com os atuais valores do VW Virtus, incluindo a versão GTS de quase R$ 105 mil, o Jetta de entrada perde sentido. Não ter recebido aumento, nem ter mudado de ano modelo como as demais versões também pode ser um indício de o Jetta 250 TSI pode deixar de ser oferecido.

Volkswagen Jetta 2019
Volkswagen Jetta 
Imagem: Divulgação

Assine a newsletter semanal do AUTOO!