Fábrica da Fiat produzirá quase um milhão de carros por ano

Montadora anuncia investimento de R$ 15 bi na construção e ampliação de fábricas no Brasil até 2016

Sergio Marchionne, CEO mundial da Fiat Chrysler e presidente mundial da Fiat Industrial | Imagem: Divulgação

A Fiat investirá R$ 15 bilhões na construção e ampliação de fábricas no Brasil até 2016. Foi o que anunciou Sergio Marchionne, CEO mundial da Fiat Chrysler e presidente mundial da Fiat Industrial, nesta última segunda-feira (6), após reunião com a presidente Dilma Rousseff.

Com os novos investimentos, a montadora prevê gerar 7.700 novos empregos diretos e 12 mil indiretos. A marca anunciou que sua fábrica de automóveis de Betim, em Minas Gerais, terá a capacidade de produção ampliada de 800 mil unidades por ano para 950 mil unidades por ano até 2014, o que a tornará uma das maiores do mundo. 

Já a nova unidade de Goiana, em Pernambuco, que está em construção, deverá produzir até 250 mil unidades por ano a partir do começo de 2015, enquanto a fábrica da Iveco - marca de caminhões que pertence ao grupo – instalada em Sete Lagoas (MG), além de caminhões Magirus, produzirá veículos militares e caminhões de combate à incêndio. A planta de Curitiba, que produz tratores, também será ampliada.

Parte do dinheiro, R$ 9 bilhões, fazia parte do plano de investimentos já anunciado anteriormente pela empresa de 2011 e 2014. A esse montante foram somados R$ 6 bilhões. Até o momento, porém, R$ 4 bilhões foram utilizados.

Além da expansão da capacidade produtiva e construção de novas fábricas, os R$ 15 bilhões englobam investimentos em inovação, desenvolvimento de novos produtos e tecnologias como motores mais eficientes que atendam ao Inovar-Auto, o programa de incentivos às empresas que investirem no País.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!