Ferrari SF90 XX Stradale é carro de corrida que pode andar pelas ruas

Versão extrema chega aos 1.030 cv é a primeira XX que poderá ser emplacada
Ferrari SF90 Stradale 2024

Ferrari SF90 Stradale 2024 | Imagem: Divulgação

Até esta quinta-feira (29), toda Ferrari com o XX no nome só poderia andar em circuito fechado. Até agora porque a SF90 XX Stradale é o primeiro esportivo da marca a poder sair às ruas.

São duas versões, a cupê limitada a 799 unidades, e a Spider, com 599. Todas trazem o mesmo motor 4.0 V8 biturbo com outros três motores elétricos, sendo dois no eixo dianteiro e um entre a transmissão e o eixo traseiro. 

Juntos, os quatro entregam 1.030 cv enquanto a SF90 Stradale tem 986 cv. O ganho de potência foi feito no motor a gasolina, que subiu de 780 cv para 797 cv. Segundo a Ferrari, a eficiência foi aumentada com o polimento dos dutos de admissão e exaustão e a taxa de compressão foi aumentada com a adoção de novos pistões e usinagem específica da câmara de combustão. 

VEJA TAMBÉM:

O câmbio automatizado de dupla embreagem e oito marchas foi mantido.

O sistema de ar secundário foi removido para reduzir em 3,5 kg o peso do motor em comparação com o SF90 regular. Os dois modelos chegam a 100 km/h em 2,3 segundos e têm uma velocidade máxima de 320 km/h.

Ferrari SF90 Stradale 2024
Ferrari SF90 Stradale 2024
Imagem: Divulgação

A Ferrari também aperfeiçoou a aerodinâmica da Stradale. A asa fixa na traseira é a primeira para um carro de rua da marca desde a F50 de 1995 e não está lá para enfeite. A fabricante calcula uma pressão de 530 kg sobre ela quando o carro estiver a 250 km/h.

E a versão extrema também ficou mais barulhenta. Todo o sistema de escape foi reformulado para que os ocupantes escutem mais o ronco do tradicional V8 da marca italiana.

Mas também pode haver silêncio, já que a SF90 pode rodar no modo 100% elétrico por 25 km a até 135 km/h.

Ferrari SF90 Stradale 2024
Ferrari SF90 Stradale 2024
Imagem: Divulgação

Mas quem olhar para a SF90 XX Stradale vai precisar reconhecer que se trata da versão especial. E vai ter, além da grande asa traseira. Os difusores abaixo do para-choque dão mais 45 kg de pressão, enquanto a frente ganha dois dutos para reforçar a refrigeração da mecânica do carro.

Outros dutos dianteiros, respiros no capô e no para-lamas também foram ampliados, além de alguns ganharem cores que contrastam da pintura da carroceria. O carro também ostenta rodas de 20 polegadas com desenhos exclusivos.

Siga o AUTOO nas redes: Instagram | LinkedIn | Youtube | Facebook | Twitter

Por dentro, a Ferrari deixou forros de porta, túnel central e tapetes mais simples para evocar carros de corrida. As partes funcionais usam fibra de carbono, material resistente e leve. Os bancos de competição foram desenvolvidos para a SF90 XX e usam materiais elásticos para esconder as divisões entre o assento e o encosto.

Recomendados por AUTOO

Youtube
Nova Chevrolet Spin 2025

Nova Chevrolet Spin 2025

Minivan renovada quer fazer frente aos quase SUVs do mercado
Aviação
Argentina terá caças F-16

Argentina terá caças F-16

Jato supersônico é rival do Saab Gripen, da Força Aérea Brasileira. Veja quantos aviões nossos vizinhos compraram
AUTOO
Siga o AUTOO em nosso canal no WhatsApp

Siga o AUTOO em nosso canal no WhatsApp

Acompanhe as notícias sobre automóveis do site de forma mais rápida e prática!