Ford lança EcoSport na China

Modelo criado no Brasil é mais moderno e mais barato no mercado chinês

Novo EcoSport chinês tem motor turbo | Imagem: Ford

Agora que o EcoSport é um carro com plataforma global, ele será vendido no mundo inteiro. Já apresentado nos Salões de Paris e Genebra, o modelo, desenvolvido pela engenharia da Ford no Brasil, desta vez acaba de ser lançado oficialmente na China.

Do outro lado do mundo, o crossover compacto é produzido pela Ford em parceria com a fabricante local Chang’an, baseada em Chongqing, e as vendas já começaram. No mercado chinês, o EcoSport parte de 94.800 yuan, cerca de R$ 30.800 (sem impostos) – o Ecosport nacional, fabricado em Camaçari (BA), começa em R$ 54.800.

Veja mais: Novo Ford EcoSport fica mais sofisticado para a Europa

O EcoSport chinês também leva vantagem na parte tecnológica em comparação ao brasileiro. Na China, o modelo oferece a opção do premiado motor 1.0 EcoBoost três cilindros e turbo de 125 cv e 17,3 kgfm. Já a outra versão tem propulsor 1.5 16V a gasolina de 110 cv e 14,1 kgfm com câmbio manual ou semi-automático de dupla embreagem, a mesma transmissão Powershift aplicada no Eco nacional com motor 1.6 Sigma.

Veja mais: EcoSport Powershift deixa a desejar

A Ford também já equipa o modelo de série com o ar condicionado automático, seis airbags, controle de estabilidade, Hill holder (auxílio para partidas em aclive), ignição sem chave e sistema multimídia SYNC com Bluetooth para conexão com celular.

Recomendados por AUTOO

Youtube
Toyota Corolla Cross 2025 muda para encarar chineses

Toyota Corolla Cross 2025 muda para encarar chineses

Modelo ganhou novo visual e alguns equipamentos interessantes. Assista
Aviação
Maior avião brasileira está combatendo incêndios no Pantanal

Maior avião brasileira está combatendo incêndios no Pantanal

Embraer KC-390 da FAB pode ser convertido para avião bombeiro. Veja como funciona
MOTOO
Bajaj inaugura fábrica no Brasil

Bajaj inaugura fábrica no Brasil

Uma das maiores montadoras do mundo, a gigante indiana construiu fábrica própria em Manaus para produção de motocicletas