Hoggar terá produção retomada, mas 207 SW sai de linha

Peugeot nega fim da picape, que terá novidades em 2013. Perua, no entanto, deixou de ser produzida

Peugeot Hoggar X-Line 1.4 2011 | Imagem: Peugeot

Questionada sobre os boatos que a picape Hoggar teria saído de linha, a Peugeot negou o fato veementemente nesta segunda-feira ao AUTOO. Segundo a assessoria de imprensa da fabricante, o modelo terá sua produção retomada este ano. Por outro lado, a Peugeot confirmou que o 207 SW já não é mais produzido na fábrica da PSA em Porto Real, no Rio de Janeiro.

De fato, a Hoggar teve sua produção interrompida no ano passado, o que teria dado margem a boatos que não voltaria a ser produzida. “A Hoggar não só voltará a ser fabricada como terá novidades”, garantiu a Peugeot. A razão para a interrupção na produção foi o estoque elevado, explicou a montadora.

Lançada em 2010, a Hoggar nunca viu suas vendas decolarem. Segundo um executivo da Peugeot ouvido há alguns meses, a fabricante teve dificuldades em convencer os compradores desse tipo de modelo a mudarem de marca: “é um segmento muito tradicional cujo cliente reluta em experimentar novidades”. Em 2012, foram vendidas apenas 2.156 unidades da picape, menos de 1% do total da categoria – a Strada, líder, teve 49% de participação. Já a perua 207, modelo que pertence à mesma família, viveu situação semelhante, mas a Peugeot optou por não mantê-la no mercado.

208 em abril

Os rumores sobre o fim de modelos na Peugeot surgiram na época em que a marca confirmou a produção do hatch 208 no Brasil. No comunicado, a empresa garantia que o 207, seu antecessor, continuaria sendo vendido, mas numa faixa de preços mais baixa. Nada foi dito sobre os demais modelos da família, o que deu margem para suposições. A versão sedã, Passion, por exemplo, mantém um volume significativo de vendas e não faria sentido a Peugeot abandoná-la sem ter um sucessor em vista – o inédito 301, mostrado no ano passado, ainda é uma incógnita no Brasil.

Depois de um ano ruim, a Peugeot se prepara para recuperar espaço no mercado com o lançamento do 208, que começará a ser vendido na rede no dia 13 de abril. Estreando a nova identidade visual da marca e com vários adendos tecnológicos, o hatch é a esperança da marca viver os bons tempos da chegada do 206 na virada do milênio, quando seus carros estavam entre os mais desejados pelos consumidores. A produção do modelo começará nesta quarta-feira, 30.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!