JAC ousa na estratégia e oferecerá somente SUVs no Brasil

Chinesa vai transformar sua linha vendida no Brasil e busca surfar na ótima aceitação dos SUVs
JAC T5 2017

JAC T5 2017 | Imagem:

Era para ser apenas o lançamento do T40 para a imprensa especializada, mas logo após a coletiva o presidente da JAC Motors do Brasil, Sergio Habib, adiantou uma estratégia importante que a marca chinesa vai adotar por aqui a partir de 2018: saem de cena os hatches e sedãs para dar lugar somente aos utilitários esportivos.

E a mudança não será lenta e gradual já que, segundo explicou Habib, a representante brasileira da JAC no Brasil espera consolidar essa transição da linha até o fim de 2018. “O T40 foi apenas o início. Nós traremos também modelos maiores em relação à gama atual, como exemplo posso adiantar o T60 e o T70, que também terão motores maiores”, adianta Sergio Habib.

Questionado pelo AUTOO se os consumidores da marca não sentirão “falta” dos hatches e sedãs, Habib foi taxativo: “hoje os consumidores querem SUVs. Eles já são disparados uma das principais categorias do mercado, com participação por volta de 23% das vendas, só ficando atrás dos hatches compactos. Tenho certeza que mesmo os compradores de sedãs vão migrar para os SUVs. Aliás, isso já ocorre hoje. Se o cliente tem a possibilidade de optar entre um sedã ou um SUV, ele tende a escolher o utilitário esportivo”, explica o executivo.

Enquanto a gama de SUVs deve crescer nos segmentos superiores, os hatches como o J2 e o J3 deverão ser substituídos por SUVs/crossovers de menor porte. “Nós já temos na China um produto que entra no lugar no lugar do J2 perfeitamente por aqui”, ressalta o presidente da JAC Motors do Brasil. Habib também explica que, devido à mudança na nomenclatura estabelecida pelo T40 (a marca não pode adotar a sigla T4 no Brasil já que ela usada no Troller), os próximos SUVs da marca passam a seguir o mesmo esquema. Por isso, na próxima geração o atual T5 chegará às lojas com a designação T50. Os futuros T60 e T70 estarão adaptados a essa lógica. 

Picape média para o Brasil

Outra confirmação importante de Sergio Habib, o homem que capitaneia as operações da JAC no Brasil, é que a empresa vai entrar no segmento de picapes médias.

“No começo de 2018 vamos lançar uma picape média no Brasil. Ela terá porte semelhante ao de Chevrolet S10 e demais modelos e vamos oferecer por aqui somente uma configuração com cabine dupla, tração 4x4 e motor diesel, opção que responde pela maior parte das vendas desses modelos”, destaca Habib.

Na China, a picape em questão é chamada de T6, como você pode ver em uma das fotos na galeria no fim do texto. A equipe da JAC adianta, contudo, que a picape que será comercializada em nosso país trará mudanças no visual. A grade dianteira, por exemplo, será substituída por uma nova peça.

Com isso, a gama JAC a partir do próximo ano ostentará apenas utilitários em seu showroom, seja pelos SUVs bem como a picape em questão e a van grande T8. O caminho da marca pode soar até radical demais, porém o empresário que responde pela marca no Brasil traz uma bagagem de anos a frente de concessionárias de várias marcas, portanto com um elevado tino comercial para identificar as melhores fórmulas para o negócio. Vamos acompanhar os próximos passos dessa história, que deverá ganhar força com a fábrica que a JAC pretende inaugurar no país em 2019. 

Assine a newsletter semanal do AUTOO!