Flavio Padovan, ex-diretor de Vendas e Marketing da Volkswagen (de onde se demitiu em abril último), tentará levar às inglesas Jaguar e Land Rover – hoje pertencentes à indiana Tata – sua experiência de mais de 30 anos no setor automotivo. O executivo acaba de ser nomeado presidente do grupo para América Latina e Caribe.

Padovan também comandou as operações de caminhões na Ford e se envolveu em diversas áreas na época da Autolatina. Sem falar em projeções para 2011, o executivo terá a missão de elevar as vendas das duas marcas, hoje muito baixas. No acumulado do ano, a Land Rover comercializou 4.221 unidades, enquanto a Jaguar, no mesmo período, não chega a 70 emplacamentos.

Conheça os carros mais vendidos do Brasil nos últimos 10 anos

Rodrigo Mora

|