Lifan X50 será atração no Salão de São Paulo

Para se posicionar abaixo do X60, novo Lifan X50 estreia no mercado nos primeiros meses de 2015

Lifan X50 | Imagem: Lifan

Além do X60, a Lifan terá outro representante no segmento de crossovers compactos no mercado brasileiro. De acordo com a assessoria da montadora chinesa, um dos destaques para o Salão de São Paulo, que acontece entre outubro e novembro, será o novo X50 que, como o próprio nome indica, chegará para se posicionar abaixo do atual utilitário-esportivo da marca.

O novo Lifan X50 já pode ser visto circulando pelo Brasil em testes e já está sendo homologado. O modelo usa a mesma plataforma do sedã 530, outra novidade da Lifan para o mercado nacional, para a segunda quinzena de outubro. A motorização do carro também é oriunda do três-volumes, com direito a um propulsor 1.5 16V com duplo comando de válvulas, que desenvolve 103 cv de potência e 13,5 kgfm de torque, com câmbio manual de cinco velocidades.

Lifan X50
Divulgação

O Lifan X50 começa a ser vendido no Brasil no início de 2015.

Entre os equipamentos, o X50 segue a mesma linha dos demais modelos chineses à venda por aqui, o que inclui airbags frontais, freios ABS, direção elétrica, ar-condicionado, trio elétrico, volante multifuncional, entre outros. Quando às dimensões, o modelo possui 4,1 metros de comprimento, 1,72 m de largura, 1,54 m de altura e 2,55 m de entre-eixos.

Ainda não há uma data exata para o lançamento do Lifan X50 no Brasil mas, de acordo a fabricante, a estimativa é que as vendas do crossover compacto se iniciem no primeiro semestre de 2015, com preço entre R$ 40 mil e R$ 45 mil. Até lá, o modelo deve oferecer a opção de câmbio CVT, que está sendo desenvolvido na China.

Além do X50, a Lifan vai apresentar em seu estande no evento automotivo o novo sedã 820, equipado com motor 1.8 de até 128 cv ou 2.0 de 160 cv. No entanto, por enquanto a Lifan não tem grandes pretenções com a novidade no País, embora acredite que possa oferecê-lo a um preço bem competitivo. "O 820 é um sedã de luxo que concorre com carros como o Ford Fusion e o Hyundai Azera. Ele virá neste primeiro momento para testarmos a aceitação do público e também para a formação de imagem da marca, por isso devemos disponibilizar apenas duas unidades por concessionária", explica Sidney Levy, assessor de imprensa da Lifan no Brasil. 

Assine a newsletter semanal do AUTOO!