Próxima geração do Ford Mustang deve estrear em 2022

Esportivo renovado deverá ter vida útil de oito anos usando a mesma arquitetura do utilitário esportivo Ford Explorer
Ford Mustang Mach 1 2021

Ford Mustang Mach 1 2021 | Imagem: Divulgação

Concretizando aos poucos a estratégia nos EUA de descontinuar os modelos pequenos de passeio, como hatches e sedãs, a Ford está mais próxima de oferecer apenas picapes e SUVs naquele país. Exceto pelo Mustang que, por sua relevância histórica, será mantido em produção como único carro de passeio “normal” da empresa do oval azul.

Com a atual geração datada de 2014, era questão de tempo até as primeiras informações a respeito de uma nova geração do Mustang aparecerem. Dados da Automotive News dão conta de que a Ford já está trabalhando na renovação do esportivo. A próxima geração, inclusive, deve durar oito anos (mesmo tempo da atual) e ter a produção iniciada nos EUA no último trimestre de 2022.

Citando fontes ligadas aos planos da Ford, a publicação afirmou que a empresa até cogitou um ciclo de vida menor para a próxima geração do Mustang, de seis anos, mas acabou optando por manter a vida útil do projeto. 

No entanto, sendo o último carro de passeio da Ford, ele não terá uma arquitetura exclusiva, nem derivada de um outro sedan marca. Segundo a publicação, o próximo Mustang utilizará a mesma plataforma monobloco de tração traseira dos atuais SUVs Ford Explorer e Lincoln Aviator. Assim, é dado quase como certo que o esportivo terá medidas maiores. 

A Ford já teria programado até mesmo o primeiro facelift do novo Mustang para 2025. Configurações mais potentes, como as Bullit e Shelby, deverão ser mantidos no catálogo da nova geração. No entanto, a chegada de tais novidades é aguardada apenas para a segunda metade da vida útil do modelo renovado.

Ford Mustang Mach 1 2021
Ford Mustang Mach 1 2021
Imagem: Divulgação