Novo Fusca tem versão especial nos EUA

VW revive antiga série esportiva GSR dos 1970; apenas 3.500 unidades serão fabricadas

O Beetle GSR original foi lançado em 1973 | Imagem: Volkswagen

A Volkswagen lançou nesta semana nos Estados Unidos o Beetle GSR, uma versão especial e limitada do novo Fusca que já havia sido apresentada no Salão de Chicago, em fevereiro. Enfim disponível, o modelo custa US$ 29.995 (cerca de R$ 67,6 mil) com câmbio manual e US$ 31.095 (R$ 70.100) com transmissão DSG de sete marchas e dupla embreagem – esse componente vem dos carros da Audi, que pertence ao Grupo VW.

E comprar esse carro vai ser uma guerra. A montadora vai produzir apenas 3.500 unidades da edição, que a princípio será comercializada apenas nos EUA.

Avaliação: Novo Fusca reúne diversão e nostalgia

A série especial relembra uma antiga versão esportiva do clássico Fusca, que tinha o mesmo nome. A sigla vem do alemão Gelb Schwarzer Renner, que significa algo como “corredor preto e amarelo” em português. E o carro, claro, corresponde ao nome. Vem com a pintura amarela com capo preto e o motor 2.0 TFSI com uma injeção extra de potência, chegando a 212 cv e 28,5 kgfm de torque máximo.

Segundo a VW, o Beetle GSR leva 7,3 segundos para ir de 0 a 100 km/h e atinge até 229 km/h de velocidade máxima.

O Fuscão esportivo ainda conta com bancos da grife R-Line com revestimento em preto e costura em amarelo (os dianteiros são aquecidos), faróis bi-xenônio, teto solar panorâmico e o logotipo com o número da unidade, reforçando sua condição de edição limitada e item de colecionador.