O recorde de 130 emplacamentos registrado em abril era um prenúncio do que a Porsche alcançaria no 1° semestre do ano. A Stuttgart Sportcar, importadora oficial da empresa no País, informa que fechou os seis primeiros meses do ano com marca histórica para o período: de janeiro a junho, foram vendidos 537 veículos da montadora alemã no Brasil.

O montante é 56% superior às vendas registradas no mesmo período de 2010, quando a importadora comercializou 349 unidades. Como no ano passado a Porsche bateu recorde de vendas por aqui (foram 911 carros), espera-se uma nova marca história para 2011: “as perspectivas são muito boas. Confesso que no começo do ano eu não esperava números tão expressivos, mas o resultado do primeiro semestre torna realista a perspectiva de encerrar o ano com vendas na casa de quatro dígitos", afirma Marcel Visconde, presidente da Stuttgart Sportcar.

O líder de vendas da Porsche por aqui continua sendo o SUV Cayenne (306 emplacamentos até junho), seguido por Boxster (76), Panamera e 911 (61 cada) e Cayman (43). Os modelos da Porsche mais baratos à venda no Brasil são Boxster e Cayenne V6, que custam R$ 269.000. O mais caro é o 911 Turbo S Cabriolet, que sai por R$ 949.000.

Rodrigo Mora

|