Ainda dúvida para o Brasil, Renault Alaskan tem preços definidos na Argentina

Picape média da marca marca francesa já pode ser reservada no país vizinho. Valores chegam a quase R$ 300 mil
Renault Alaskan 2017

Renault Alaskan 2017 | Imagem: Divulgação

Depois de anunciar o início da produção da na Argentina, a Renault deu início ao período de pré-venda da Alaskan no país vizinho. Por lá, a mais nova rival da Toyota Hilux terá preços variando entre 2.260.300 pesos (cerca de R$ 167,7 mil) e 3.962.000 (R$ 293,9 mil). A novidade é fabricada na planta da Renault em Santa Izabel (ARG).

A Renault Alaskan será comercializada no país vizinho com duas opções de potência a partir de um mesmo motor 2.3 turbodiesel, assim como ocorre com a Nissan Frontier. A versão mais básica, Confort, tem turbina única e desenvolve 160 cv de potência 41 kgfm de torque. Com ele, pode-se optar por tração 4x2 ou 4x4, sempre trazendo câmbio manual de seis marchas. Entre os principais itens de série, tem luzes diurnas em LED, rodas de aço de 16”, controle de estabilidade e tração, assento do motorista com ajuste de altura e assistente de partida em rampas.

Renault Alaskan 2017
Renault Alaskan 
Imagem: Divulgação

As demais configurações contam com o 2.3 turbodiesel sobrealimentado por dois turbocompressores, entregando 190 cv e 45,9 kgfm. A Alaskan Emotion mantém as opções 4x4 ou 4x4 com a transmissão manual. A versão agrega equipamentos como rodas de liga leve de 16”, assistente de descida, alarme, retrovisores laterais com ajuste elétrico e quatro alto-falantes. 

Acima dela, vem a Alaskan Intens, com mesmo conjunto motriz e agregando central multimídia com tela de 8”, câmera de ré, sensor de estacionamento traseiro, ar-condicionado automático de duas zonas, controle de cruzeiro, seis alto-falantes, sensor crepuscular, estribos laterais, com rebatimento automático e faróis de neblina.

Por último, a configuração mais cara será a Alaskan Iconic. Ao contrário das demais, será vendida sempre com tração 4x4, mas tem opção por um câmbio manual de seis marchas ou um automático de sete velocidades. Recebe câmera de 360 graus, teto solar elétrico, seis airbags, capota marítima, rack de teto, chave presencial, partida por botão, bancos de couro, rodas de liga leve aro 18” e faróis de LED.

Até o momento, a Renault do Brasil ainda não confirmou nem refutou a importação da Alaskan para nosso mercado a partir da Argentina. No entanto, vale notar que os valores da novidade são mais elevados que os da Nissan Frontier, com a qual compartilha a plataforma. Por lá, a picape média da marca nipônica tem preços variando entre 2.157.200 pesos (R$ 160 mil) e 3.483.900 pesos (R$ 258,5 mil).

A primeira Renault Alaskan argentina: chegada da picape média está próxima
A primeira Renault Alaskan argentina
Imagem: Divulgação
Assine a newsletter semanal do AUTOO!