Renault Alaskan terá produção iniciada em breve na Argentina

Picape média da marca francesa ainda não está confirmada para o Brasil. Modelo foi feito junto à Nissan Frontier atual
A primeira Renault Alaskan argentina: chegada da picape média está próxima

A primeira Renault Alaskan argentina: chegada da picape média está próxima | Imagem: Divulgação

A Alaskan foi uma das três picapes médias resultantes do acordo entre a Aliança Renault-Nissan-Mitsubishi e a Mercedes-Benz para o desenvolvimento de um modelo para tal categoria. Da parceria, surgiram ainda a atual Nissan Frontier e a finada Mercedes-Benz Classe X, modelo que foi oferecido apenas por um breve período de tempo nos mercados globais.

A Renault Alaskan será produzida na Argentina para os mercados da região e os testes de fabricação na linha de produção de Santa Izabel (ARG) já aconteceram. Ainda em agosto, a marca deu início à pré-produção da caminhonete para testar não só os processos de fabricação como a resistência do produto final.

Saiba mais: como está a situação da Renault Alaskan no Brasil?

Renault Alaskan 2017
Renault Alaskan
Imagem: Divulgação

Agora, a Renault informou que a produção comercial da Alaskan na Argentina terá início no próximo dia 21 de outubro, data que marca os 65 anos da inauguração da linha de produção da marca francesa no país vizinho. Hoje, a mesma fábrica já é responsável pela fabricação da Nissan Frontier que é vendida no Brasil.

Assim como a “irmã” japonesa, a Renault Alaskan deverá trazer duas opções de motorização. A partir do mesmo 2.3 turbodiesel, os interessados poderão escolher entre uma configuração com turbina única e 160 cv de potência ou com duas turbinas e 190 cv. No país vizinho, além do câmbio automático de sete velocidades, uma caixa manual de seis marchas também será oferecida. A tração poderá ser traseira ou 4x4.

Saiba mais: nova Nissan Frontier é flagrada sem disfarces

Prometida para o Brasil há alguns anos, a Renault Alaskan tem futuro incerto para nosso país. Segundo a marca, ainda busca-se um “melhor momento” para o lançamento da picape por aqui. De acordo com a empresa, a atual situação econômica instável da Argentina e a flutuação constante da cotação do dólar frente ao real tornam muito difícil definir com exatidão os custos da importação para cá.

Renault Alaskan 2017
Renault Alaskan
Imagem: Divulgação
Assine a newsletter semanal do AUTOO!