Rolls-Royce define o nome de seu aguardado SUV

Novidade marca a entrada da fabricante no segmento de alto luxo
Rolls-Royce Project Cullinan

Rolls-Royce Project Cullinan | Imagem: Divulgação

Não teve jeito para a Rolls-Royce. Mesmo focando sua linha nos tradicionais sedãs e cupês, a tradicional fabricante de alto luxo precisou se render aos utilitário esportivos e esse fascínio que a categoria exerce junto ao público.

A marca confirmou nesta semana que adotará o nome Cullinan para seu primeiro SUV, designação que até então havia sido utilizada para identificar o projeto do modelo iniciado em 2015. O nome faz referência ao diamante de maior qualidade já encontrado até hoje no mundo.

O Cullinan vai estrear ainda neste ano, com o início das entregas aos primeiros clientes em 2019. O longo tempo de desenvolvimento do SUV também foi necessário para a aplicação ao modelo da nova plataforma da Rolls-Royce inteiramente de alumínio. Além de muito luxo e requinte a bordo, a Rolls-Royce adianta que o Cullinan terá uma boa capacidade off-road, atendendo à proposta mais “utilitária” que um SUV deve entregar.

O Cullinan enfrentará um cenário competitivo mesmo no mercado de alto luxo, já que a Bentley comercializa hoje o Bentayga e a Aston Martin deverá lançar o DBX até o fim de 2019.

Outro ponto é que o Cullinan deverá ajudar a Rolls-Royce a ultrapassar a marca de 5.000 unidades vendidas ao ano. Aqui no Brasil a Rolls-Royce conta com importadores oficiais e é certo que o Cullinan deverá chegar ao país. Podemos apostas em cifras bem altas, na casa de R$ 2 milhões para primeiro SUV da marca.

 
 
Rolls-Royce Project Cullinan
 
Rolls-Royce Project Cullinan
Rolls-Royce Project Cullinan
Rolls-Royce Project Cullinan
 
Rolls-Royce Project Cullinan
Rolls-Royce Project Cullinan
 
 
Assine a newsletter semanal do AUTOO!