Russos antecipam facelift do nosso Renault Captur

Facelift para o utilitário esportivo da marca francesa teve imagem revelada na Rússia, onde curiosamente seu nome é Kaptur
Renault Kaptur russo com o facelift que também será aplicado ao SUV no Brasil

Renault Kaptur russo com o facelift que também será aplicado ao SUV no Brasil | Imagem: Divulgação

O que o Brasil, a Índia e a Rússia têm em comum quando o assunto é Renault? A resposta é que o Captur nesses três mercados usa como base o Renault Duster, enquanto mercados mais maduros utilizam a mais moderna, porém menor, plataforma do Clio. E é diretamente da Rússia que novidades para o modelo surgiram.

Imagens do facelift para o Renault Captur russo, daí a nomenclatura “Kaptur” que você confere nas fotos, foram oficialmente divulgadas pela fabricante em conjunto com as informações do SUV atualizada. Vale lembrar que no alfabeto cirílico russo, o “C”, tem som de “S”, daí a mudança para país em questão.

Aqui no Brasil, por sua vez, o Captur produzido em São José dos Pinhais (PR) deverá receber o mesmo pacote de melhorias apenas em 2021. A evolução para o SUV é mais do que necessária uma vez que, pela composição de gama, o Captur deve oferecer um pacote de equipamentos e nível de acabamento superiores em relação ao Duster, o que não ocorre hoje em dia após o lançamento da segunda geração do modelo no começo deste ano. 

Central multimídia passa a contar com tela de 8
Central multimídia passa a contar com tela de 8" no SUV
Imagem: Divulgação

O Renault Kaptur dos russos mudou, mas não muito. O modesto facelift incluiu uma nova grade dianteira, faróis de LED dependendo da versão, rodas de liga leve com 17 polegadas de diâmetro com novo desenho e mais ofertas de pintura, que pode ser azul para a carroceria enquanto o teto pode ser pintado de prata ou preto.

Na Rússia, o Renault Captur ganhou mais alguns equipamentos de série. Entre eles estão itens como partida remota, aquecimento de volante, aquecimento para o banco traseiro, sistema de som Bose (já oferecido no Brasil) e iluminação interna colorida e configurável. Nas versões mais completas do SUV, a câmera de ré foi substituída por um sistema de câmeras semelhante ao do novo Duster que permite visão das laterais, traseira e dianteira do carro. Outra melhoria, assim como no Duster, foi a introdução do monitoramento de pontos cegos nos retrovisores. 

A central multimídia do Captur também foi atualizada e passa a ser a Easy Link com tela de 8". 

Além disso, o sistema de direção com assistência eletro-hidráulica foi substituído por lá por uma caixa com assistência elétrica, como efetuado no Duster 2021, mais eficiente e que reduz o esforço do motorista. Os motores, na Rússia, passam a ser o 1.6 a gasolina aspirado com 114 cv ou o 1.3 turbo a gasolina com até 156 cv. No último, a transmissão é automática de relações continuamente variáveis (CVT). O propulsor 1.3 sobrealimentado também deverá fazer sua estreia por aqui no Captur associado ao mesmo tipo de câmbio. 

Renault Kaptur russo com o facelift que também será aplicado ao SUV no Brasil
Renault Kaptur russo com o facelift que também será aplicado ao SUV no Brasil
Imagem: Divulgação

Assine a newsletter semanal do AUTOO!