Suzuki revela as primeiras imagens do novo Jimny 2019

Modelo ganha duas configurações e segue com estrutura de chassi
Suzuki Jimny 2019

Suzuki Jimny 2019 | Imagem: Divulgação

Boas notícias para os fãs de off-road ou quem gosta do estilo quadradão do Jimny. A Suzuki revelou nesta segunda-feira (18) a nova geração do modelo. A novidade segue o estilo visual que consagrou o jipinho, como já havíamos antecipado aqui no Autoo.

Como é possível ver nas fotos, a Suzuki mexeu em pouca coisa no Jimny, apenas atualizando a consagrada receita do jipe compacto. Ele mantém, por exemplo, a construção de carroceria sobre chassi, algo que agrada em cheio parte dos usuários do modelo que preferem um modelo mais robusto para o uso fora do asfalto.

O visual manteve-se quase incólume na nova geração, abusando dos ângulos retos para a carroceria do Jimny 2019. Tanto no exterior como no interior, contudo, as linhas foram modernizadas.

Uma novidade é que o Jimny 2019 será oferecido em duas configurações de carroceria. Uma mais compacta, chamada apenas Jimny e que atuará no segmento dos kei car japoneses, e outra ligeiramente maior, denominada Jimny Sierra, destinada a mercados fora do Japão e provavelmente com maior espaço para passageiros e carga.

O Jimny Sierra deverá, segundo alguns rumores da mídia especializada global, contar com um motor 1.5 e, como é de praxe no modelo, tração 4x4 com reduzida. Além de opção manual 5 marchas, a Suzuki poderá equipar o modelo com uma caixa automática de 4 velocidades, uma tentativa, portanto, de atender a demanda cada vez maior por câmbios desse tipo em quaisquer segmentos.

Na parte interna, a Suzuki resolveu manter muito da identidade mais rústica do Jimny, porém a nova geração pode receber alguns refinamentos como central multimídia, ar-condicionado automático, piloto automático e até mesmo um sistema de frenagem de emergência automática.

Aqui no Brasil, como a Suzuki já havia adiantado para o Autoo, não existe previsão de lançamento do novo Jimny 2019, mas os representantes da marca japonesa adiantam que a novidade seguirá convivendo com a geração atual do modelo, que continua produzida normalmente em nosso país.