Tesla Model Y Performance promete autonomia de 500 km

SUV de entrada da marca, que ficará abaixo do Model X, ainda não chegou às lojas, mas teve seu alcance certificado
Tesla Model Y 2020

Tesla Model Y 2020 | Imagem: Divulgação

O Model Y deve ser a próxima novidade da Tesla a chegar às ruas. O SUV compacto elétrico deverá ser a porta de entrada para a linha de utilitários esportivos da marca de Elon Musk, ficando abaixo do Model X e suas portas traseiras escamoteáveis.

Enquanto o Model Y ainda não tem data certa para que as primeiras unidades cheguem aos consumidores que já efetuaram as reservas, a novidade teve seus dados de autonomia certificados pela EPA, a agência de proteção ambiental norte-americana.

O alcance revelado pela EPA no ciclo combinado entre uso urbano e rodoviário chega a impressionantes 507 km na versão Performance que, em termos de Tesla, dá nome à configuração mais potente, com as baterias de maior capacidade e geralmente com tração integral por meio do uso de um motor em cada eixo do carro.

O número de autonomia apenas para uso urbano, de acordo com a agência, é de 538 km, enquanto, na estrada, esse valor cai para 480 km. Os números da EPA nem sempre representam o que os consumidores verão no mundo real, mas já são o suficiente para colocar o Model Y no mesmo patamar do carro de entrada da Tesla, o Model 3, cuja autonomia combinada declarada pela agência é de 518 km apenas na versão Performance com rodas de 18 polegadas. Nada mal para um SUV mais alto e pesado.

Tesla Model Y 2020
Tesla Model Y 2020
Imagem: Divulgação

Assine a newsletter semanal do AUTOO!
Tags