A Volvo foi uma das primeiras marcas globais a abraçar de vez o compromisso com a eletrificação de sua gama, oferecendo cada vez mais alternativas muito interessantes para quem deseja um modelo com baixo nível de emissões sem abrir mão de uma performance condizente com um carro premium.

Aqui no Brasil, um reforço muito interessante na gama Volvo foi lançado em junho deste ano. Estamos falando da nova versão híbrida plug-in do XC40. Posicionada como o catálogo topo de linha do SUV, em contrapartida ela torna-se a opção mais acessível dentro da linha Volvo para quem deseja um modelo com este tipo de propulsão. Já a venda no país, o SUV custa R$ 245.950.

Volvo XC40 2020
Volvo XC40 2020
Imagem: Divulgação

Tecnicamente, a lista de vantagens do XC40 híbrido plug-in é muito ampla, começando pelo fato de que, com sua bateria de 10,7 kWh carregada, ele consegue percorrer cerca de 47 km utilizado apenas eletricidade, fazendo com que o motor a combustão sequer seja acionado. A autonomia é muito boa e cumpre com as necessidades diárias de deslocamento de grande parte dos motoristas.

Além do motor elétrico, o sistema T5 Twin Engine integra o motor 1.5 turbo a gasolina, resultado em uma potência combinada de 265 cv e 43,3 kgfm de torque máximo. Os dois propulsores associados ao câmbio de dupla embreagem com 7 marchas conferem um desempenho excelente ao SUV, com um 0 a 100 km/h em rápidos 7,3 segundos. Talvez o único atributo que seria desejável no XC40 eletrificado e não está presente no modelo é a tração integral. Apenas as rodas dianteiras movimentam o veículo.

Volvo XC40 2020
Volvo XC40 2020
Imagem: Divulgação

Contudo, a bordo do XC40 T5 você terá não só uma performance acima da média como a possibilidade de alcançar parciais de 24,6 km/l na cidade e 22,3 km/l na estrada com os dois motores operando, números extremamente convidativos e que denotam o alto nível de eficiência desse tipo de conjunto mecânico. Segundo a Volvo informou na época da apresentação do XC40 T5, a autonomia do modelo pode alcançar cerca de 800 km, valor que equipara-se ao de muitos veículos com propulsão a diesel. 

Ao volante, o XC40 híbrido plug-in denota um comportamento irretocável e semelhante ao das demais versões não eletrificadas. Apesar do conjunto mais sofisticado, em especial levando em consideração o peso extra da bateria de íon-lítio, o modelo segue neutro nas respostas e com a carroceria bastante equilibrada. Um ponto comum a todos os catálogos do XC40 é o conforto ao rodar, mesmo com as generosas rodas de liga leve aro 20” presentes na versão híbrida plug-in.

Volvo XC40 2020
Volvo XC40 2020
Imagem: Divulgação

Outro ponto positivo do XC40 é o seu porte equilibrado. Com 4,42 m de comprimento, 1,86 m de largura e 2,70 m de entre-eixos, o espaço na cabine do SUV é suficiente para cinco passageiros, bem como o porta-malas de 460 litros está adequado ao uso familiar. Interessante que o XC40 é um modelo prático para rodar na cidade, sendo que suas dimensões também ajudam na hora de estacionar em vagas mais apertadas.

Volvo XC40 2020
Volvo XC40 2020
Imagem: Divulgação

Por se tratar de sua versão mais cara, o XC40 T5 Plug-In Hybrid R-Design traz um pacote de equipamentos bem robusto, coerente com sua faixa de preço. Encontramos no SUV itens como o teto solar panorâmico elétrico, sistema de som especial projetado pela Harman Kardon com 13 alto-falantes, bancos dianteiros com regulagem elétrica, faróis full-LED, mecanismo de abertura e fechamento elétrico da tampa do porta-malas, entre outros. Como não poderia faltar, os assistentes de condução também estão presentes e englobam o alerta de colisão com frenagem autônoma de emergência, alerta de pontos cegos, piloto automático adaptativo com a função Pilot Assist, aviso de saída involuntária da faixa de rodagem, entre outros.

O padrão construtivo e de acabamento do XC40 topo de linha seguem o design recente da Volvo, com uma escolha interessante de materiais e um cuidado adicional na montagem da cabine. Ponto positivo também para a ergonomia excelente do SUV e a central multimídia bastante intuitiva e fácil de operar, com um estilo remetendo a um tablet.

Volvo XC40 2020
Volvo XC40 2020
Imagem: Divulgação

Por enquanto sem um concorrente direto no mercado brasileiro, o XC40 T5 mostra-se um excelente automóvel não só para quem gosta do estilo SUV, mas também para atender outra parcela do público que deseja um modelo híbrido premium de elevada eficiência sem exagerar no tamanho. A possibilidade de rodar apenas no modo elétrico também é outro diferencial importante, em especial pensando no meio-ambiente. Para dar uma força nesse item, a Volvo até mesmo vai pagar o custo com energia elétrica de seus clientes. Com isso, quase não faltam argumentos para facilitar a escolha de quem busca um SUV na faixa de R$ 245 mil…

 

O "Guru dos Carros", César Tizo se juntou ao time este ano e está à frente dos portais AUTOO e MOTOO. É o expert em aconselhar a compra de automóveis

César Tizo | http://www.jcceditorial.com.br/