Notícia importante divulgada nesta segunda-feira (19) pela Toyota. A fabricante japonesa revelou ao público um protótipo do Prius desenvolvido pelos times de engenharia do Brasil e Japão com uma novidade bem interessante: o motor a combustão do modelo passa a aceitar também etanol, fazendo dele o primeiro híbrido flex do mundo.

Procurada pelo Autoo para obter mais detalhes técnicos sobre o Prius flex, como possíveis ganhos em potência e torque combinados bem como a questão do consumo de combustível, a Toyota até o momento não se manifestou. No primeiro comunicado para a imprensa, a fabricante declara apenas que os resultados obtidos pelo Prius flex, em especial quando abastecido com etanol, “mostraram-se promissores”.

Em especial para um modelo que tem como argumento de venda o caráter ecologicamente correto, o uso do etanol faz todo o sentido em especial devido aos “mais altos potenciais de compensação e reabsorção na emissão de CO2 gerado desde o início do ciclo de uso do etanol extraído da cana-de-açúcar, passando pela disponibilidade nas bombas de abastecimento e sua queima no processo de combustão do carro”, como explica a própria Toyota.

De acordo com a Toyota, os testes do Prius flex começaram há cerca de três anos e o protótipo partirá agora para uma viagem entre o Estado de São Paulo e o Distrito Federal para avaliar a durabilidade do carro, o comportamento do conjunto mecânico com etanol, dentre outros parâmetros. A Toyota usará os dados para finalizar os acertos do carro.

O que está além da notícia

Sem fazer muito alarde, a Toyota reconhece que estuda a produção do conjunto híbrido flex no Brasil.

É quase certo que ele estará presente em uma das versões da próxima geração do Corolla nacional, que deverá estrear muito provavelmente em 2019 já como linha 2020.

Muito se fala também sobre a nacionalização do Prius, algo que também não parece descartado em especial após a apresentação do protótipo nesta segunda-feira.

Seguramente o Rota 2030, novo regime automotivo brasileiro esperado para ser anunciado em breve, deverá impactar diretamente nas decisões futuras da Toyota envolvendo seus híbridos. Vamos acompanhar de perto os próximos passos da japonesa por aqui, que até o momento tem o lançamento do Yaris brasileiro como uma das grandes novidades para 2018.

 
 
Protótipo do Prius flex desenvolvido pela Toyota com times de engenharia de Brasil e Japão
 
Protótipo do Prius flex desenvolvido pela Toyota com times de engenharia de Brasil e Japão
Protótipo do Prius flex desenvolvido pela Toyota com times de engenharia de Brasil e Japão
 
 
César Tizo

O "Guru dos Carros", César Tizo se juntou ao time este ano e está à frente dos portais AUTOO e MOTOO. É o expert em aconselhar a compra de automóveis

César Tizo | http://www.jcceditorial.com.br/