Veja os 10 modelos de marcas chinesas mais vendidos de outubro

Destaque ficou com a Caoa Chery, que só na linha Tiggo conseguiu acumular mais de 3,6 mil emplacamentos
CAOA Chery Tiggo 5X 2023

CAOA Chery Tiggo 5X 2023 | Imagem: Divulgação

Acabou a história do consumidor brasileiro fazer vistas grossas para os produtos chineses.  Hoje esse preconceito está se esvaindo, principalmente no setor de veículos em geral. Só para se ter uma ideia, as quatro principais marcas chinesas como a Caoa Chery, BYD, GWM e JAC tiveram, nos meses de setembro e outubro, um crescimento de 20% na participação de mercado. 

VEJA TAMBÉM:

Com base nesse cenário, listamos os 10 modelos entre automóveis e comerciais leves mais vendidos de outubro, segundo dados da Fenabrave (Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores).

1- Caoa Chery Tiggo 5X - 2.483 unidades

CAOA Chery Tiggo 5X 2023
CAOA Chery Tiggo 5X foi o modelo de marca chinesas mais vendido no mês de outubro, pelos dados da Fenabrave
Imagem: Divulgação

Trazendo elementos positivos como acabamento, conforto, estilo e um dos melhores custo-benefícios da categoria, em 2018 a aliança Caoa Chery passou a montar o Tiggo 5X na planta de Anápolis (GO).

Desde então, o modelo traz motor 1.5 turbo flex de 150/147 cv e 21,4 kgfm de torque e transmissão automática CVT de 9 velocidades simuladas, além de uma variante híbrida leve 48V regenerativa que usa a energia cinética das reduções e frenagens. Vendido por iniciais R$ 119.900, ele concorre com outros SUVs como Honda HR-V, Jeep Renegade e Hyundai Creta e companhia.

 

2- GWM Haval H6 - 1.450 unidades

Haval H6 Premium HEV 2023
Haval H6 também aparece entre os SUVs de marca chinesa mais vendido durante o mês de outubro
Imagem: GWM

Custando a partir de R$ 214 mil, o SUV médio H6 foi lançado  neste ano no Brasil. Importado da China, traz três versões e duas carrocerias. O modelo mais simples é o Premium HEV que traz motorização híbrida, ou seja, a combustão e elétrica.

Há também o intermediário Premium PHEV, com trem de força híbrido plug-in , que assim como o primeiro é um SUV convencional. Já apostando na esportividade, há o topo de linha SUV cupê GT, com propulsor híbrido plug-in (PHEV).

3- BYD Dolphin - 1.366 unidades

BYD Dolphin 2024
BYD Dolphin é o hatch 100% elétrico mais vendido no mês de outubro. Modelo ganhou versão Plus, mais potente
Imagem: Divulgação

Outro modelo que mal chegou, o Dolphin já está pronto para atacar a concorrência como o Peugeot e-208 que emplacou 2.832 vendas em outubro (somadas as versões a combustão), segundo a Fenabrave. 

O hatch elétrico da BYD utiliza a plataforma batizada pela marca de  “e-Plataform 3.0”, especialmente desenvolvida pela BYD para veículos puramente elétricos e está disponível nas versões Plus e Diamond. O preço inicial é de R$ 149.800.

4- BYD Song Plus - 1.100 unidades

BYD Song Plus DM-i
BYD Song Plus DM-i é outro modelo da marca chinesa que faz sucesso hoje em dia entre os eletrificados
Imagem: Divulgação

O SUV, assim como outros modelos da marca chinesa, traz cinco anos de garantia e revisões com preços tabelados o que, de uma certa forma, traz conforto para quem está pretendendo ingressar na marca.

O modelo de R$ 229.800 está equipado com sistema híbrido que combina um a combustão com  injeção multiponto, quatro cilindros e 16 válvulas de 110 cv de potência e outro elétrico com 179 cv. Segundo a empresa, no modo 100% elétrico com carga total da bateria, o Song Plus tem autonomia (ciclo NEDC) de 51 km e no híbrido, a autonomia ultrapassa os mil quilômetros.


5- Caoa Chery Tiggo 8 - 678 unidades

CAOA Chery Tiggo 8 Pro Plug-in Hybrid é 4 cm maior que a concorrência
CAOA Chery Tiggo 8 é o maior SUV da marca chinesa que tem se destacado entre as mais vendidas do Brasil
Imagem: Divulgação

Por aqui, ele traz desde a versão só a combustão Max Drive até a híbrida Pro Plug-in Hybrid. Ideal para famílias numerosas, o Tiggo 8 possibilita transportar até sete passageiros com espaço e conforto. Por falar em espaço, o porta-malas tem capacidade para 191 litros (configurado para sete passageiros), 889 litros (cinco pessoas) e 1.930 litros (motorista e passageiro dianteiro).

Entre os mimos, o SUV conta com abertura e fechamento elétrico da tampa do porta-malas e sistema Keyless que trava e destrava todas as portas por sensor de aproximação. A versão de entrada a combustão sai por R$ 189.990.


6- Caoa Chery Tiggo 7 - 510 unidades

CAOA Chery Tiggo 7 Pro Max Drive
CAOA Chery Tiggo 7 tem mostrado boa procura nas lojas entre os modelos da marcas chinesas
Imagem: Divulgação

Assim como seu irmão maior Tiggo 8, o Tiggo 7 também conta com duas variantes, uma a combustão com sistema de condução semi autônomo (Pro Max Drive) e uma também com o recurso Max Drive, mas eletrificada do tipo plug-in (Hybrid Max Drive). Por ser menor, este SUV permite a acomodação de 5 passageiros, mas com espaço e conforto de sobra.

Em comum com o Tiggo 8, o Tiggo 7 também traz opções de motorizações 1.5 turbo combinados a propulsão elétrica, além da 1.6 turbinada só a gasolina e transmissão automatizada de sete marchas. É comercializado com valor inicial de R$ 179.990 (versão só a combustão).


7- JAC EJV5.5 - 10 unidades

JAC EJV5.5 2023
JAC EJV5.5 2023 é o modelo da marca chinesa mais vendido em outubro, de acordo com os números da Fenabrave
Imagem: Divulgação

Desde o início da importação no final de 2022, o furgão elétrico só conseguiu emplacar 10 unidades. Apesar disso, ele carrega o título entre os modelos chineses mais vendidos de outubro do Top 10. 

Oferecido por R$ 300 mil, a marca cobra caro, mas oferece além de 1.020 kg de capacidade máxima, recursos como, por exemplo central multimídia com tela de 10,25 polegadas, que inclui pacote Google e espelhamento de celular por bluetooth, ar-condicionado, direção assistida, faróis com LED diurno, freio elétrico e até sistema de frenagem automática Auto Hold.


8- JAC IEV 750 - 5 unidades

JAC iEV750V 2021
JAC iEV750V: utilitário da fabricante chinesa é 100% elétrico e faz parte do ranking dos mais vendidos
Imagem: Divulgação

Considerada uma van de porte grande, ela comporta um volume de carga de 12m3 com capacidade de carga de 1,45 toneladas, segundo a JAC Motors.

O veículo comercial da montadora chinesa é 100% elétrico e, assim como outros modelos da linha iEV, conta com o  sistema inteligente  i-Pedal. Basta tirar o pé do acelerador que o motor elétrico se transforma em gerador e recarrega a bateria, podendo elevar a autonomia do veículo em até 20%. Quanto aos valores, a van custa a partir de R$ 439.900.


9- JAC IEV 330P - 3 unidades

JAC E-JP8 2022
JAC E-JP8 vem com motor elétrico de 204 cavalos de potência e pode levar até 800 kg
Imagem: Divulgação

A primeira e única picape 100% elétrica do mercado brasileiro, como a JAC orgulha-se em classificar, é vendida por R$ 334.900. Além do sistema inteligente  i-Pedal voltado para todos os modelos 100% elétricos da marca, o utilitário é capaz de transportar até 800 kg de carga máxima.

Seu motor elétrico (150 kW) rende até 204 cv de potência e 30,8 kgfm de torque com tração 4x2 e, segundo o Inmetro, possui autonomia para rodar até 226 km com uma única recarga. A velocidade máxima declarada pela empresa é de 100 km/h. 


10- BYD T3 - 2 unidades

BYD T3 2017
BYD T3 tem sido utilizado em frotas e pode levar até 3.300 litros de carga, de acordo com dados da fabricante
Imagem: Divulgação

O furgão totalmente elétrico da BYD tem carregamento da bateria em menos de 1 hora e depois de completa, consegue rodar por até 170 km. Além da boa autonomia, o veículo comporta um volume de carga de até 3.300 litros.

Apesar do preço relativamente convidativo de R$ 259.990, o modelo que vem importado da China desde 2022, só conseguiu emplacar duas unidades. Entre os concorrentes, estão Peugeot e-Expert (R$ 278.090) , Kangoo E-Tech (R$ 259.990) e JAC E-JV 5.5 (R$ 299.900).

 

Siga o AUTOO nas redes: Instagram | LinkedIn | Youtube | Facebook | Twitter

Recomendados por AUTOO

Youtube
Picape Fiat Titano

Picape Fiat Titano

Estreia da marca no segmento onde a Hilux domina, mas será que dá para peitar a Toyota?
Aviação
Rússia fabrica mais caças Su-34 enquanto Ucrânia destrói outros

Rússia fabrica mais caças Su-34 enquanto Ucrânia destrói outros

Mais um lote do jato de combate foi entregue, mas Força Aérea ucraniana diz ter destruído seis jatos russos em ataque de drone
AUTOO
Siga o AUTOO em nosso canal no WhatsApp

Siga o AUTOO em nosso canal no WhatsApp

Acompanhe as notícias sobre automóveis do site de forma mais rápida e prática!