2016 termina com 4,6 milhões de veículos financiados

Resultado revela uma queda de 12,4% na comparação com 2015
Loja de carros

Loja de carros | Imagem: Reprodução internet

O ano de 2016 terminou com exatos 4.654.014 veículos financiados, reunindo autmóveis de passeio, motos, caminhões e ônibus. O dado é da Cetip, empresa que opera o Sistema Nacional de Gravames. Segundo ela, o número representa uma queda de 12,4% na comparação com 2015.

Do total financiado, 2.913.930 veículos eram usados, um recuo de apenas 2% frente a 2015. Quando partimos para a análise dos veículos novos, o volume de financiamentos desabou em 25,6%, com 1.740.084 operações de crédito realizadas. Isolando apenas os carros de passeio, a queda foi ainda maior, com uma redução de 26,3% na comparação entre 2016 e 2015. No ano passado, 1.063.211 automóveis novos foram financiados.

O mercado de usados registrou um avanço considerável nas unidades financiadas com 9 a 12 anos de uso, até mesmo pelo preço mais camarada. Segundo a Cetip, os veículos com essa idade alcançaram um aumento de 16,3% nas negociações. Já os modelos de 4 a 8 anos de uso registraram uma queda de 0,3% nas operações.

O CDC continua a operação mais realizada pelos brasileiros na hora de financiar os veículos, com 80,7% de participação. Logo após aparece o consórcio com 16,6% e o leasing com 1,2%.

O prazo médio de financiamento contratado para carros novos girou em torno de 36 meses. Já para os carros seminovos com até três anos de uso o prazo aumenta para 42 meses, mesmo tempo notado para os “usados jovens” com 4 a 8 anos de uso. Para os veículos com 9 a 12 anos de uso, classificados pela Cetip como “usados maduros”, o prazo médio contratado para os financiamentos foi de 41 meses, já para os “velhinhos” com mais de 12 anos o período médio contratado é de 36 meses.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!