Competitivo, Volvo XC40 T4 chega ao mercado por R$ 169.950

Opção de entrada do Volvo mira em clientes de SUVs médios topo de linha
Volvo XC40 2019

Volvo XC40 2019 | Imagem: Divulgação

A Volvo inicia a partir desta semana a comercialização de uma das versões mais aguardadas do novo XC40 por aqui. Trata-se da configuração de entrada T4, que conta com a motorização com a mesma motorização 2.0 turbo das demais versões do SUV, porém com potência e torque reduzidos para 192 cv e 30,5 kgfm.

Também equipado com o câmbio automático de 8 marchas, o XC40 T4 perde a tração integral das versões mais caras e traz somente tração nas rodas dianteira, mas, de acordo com dados da Volvo, o XC40 T4 é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 8,4 segundos e alcança 210 km/h de velocidade máxima. Os números, portanto, mostram que o SUV tem um desempenho mais do que aceitável mesmo com a calibração mais branda do conjunto. 

Tabelado em R$ 169.950, a grande sacada do XC40 T4 é servir como uma alternativa de luxo a clientes que pensam em adquirir modelos como o Jeep Compass mais completo, por exemplo, que parte de R$ 168.990 em sua versão Limited 2.0 turbodiesel e pode alcançar até R$ 195.760 se equipada com todos os opcionais.

O XC40 T4 chega ao Brasil com um bom pacote de itens de série, com destaque para o City Safety (auxilia o condutor com frenagem automática); a Mitigação de Pista Oposta (Oncoming Lane Mitigation), que ajuda os motoristas a evitar colisões com veículos que se aproximem vindos da pista contrária; alerta de mudança de faixa; proteção em saída de estrada e sistemas de proteção contra impactos laterais e lesões na coluna cervical, sensor de estacionamento traseiro, assistente de partida em aclive e declive, assistente de descidas íngremes e o controle de cruzeiro.

Ainda entre os itens de série, o XC40 T4 oferece os faróis Volvo Full LED System, que incorpora ao conjunto de iluminação as funções de nivelamento automático de acordo com a carga do carro, a comutação automática entre os fachos baixo e alto (Active High Beam) e luz diurna em LED com formato "T" (Martelo de Thor) como nos demais modelos da gama.

Como opcional, o XC40 T4 pode receber o assistente de direção semiautônoma Pilot Assist, que atua até 130 km/h e não só controla a distância do carro logo a frente – nos moldes de um piloto automático adaptativo – como também mantém o carro dentro da faixa de rodagem dependendo das condições da via (se as faixas não estão em bom estado de conservação ele não atuará). O Pilot Assist também não atua em curvas mais fechadas e cabe ao motorista ficar sempre atento na condução do veículo. O ponto positivo é que a tecnologia custará R$ 5.000, um valor que não é abusivo e vale a pena o investimento. Assim, o XC40 T4 é o modelo mais barato do Brasil a oferecer esse recurso.

O Volvo XC40 é uma grande aposta da marca sueca para a demanda cada vez maior do público por SUVs e traz um bom conjunto. Além do acabamento de alto nível, seu comportamento dinâmico é elogiável e o espaço interno bem como o porta-malas atendem com muita competência uma família. É uma excelente opção a se considerar nessa faixa de preço.

 
 
Volvo XC40 2019
 
Volvo XC40 2019
Volvo XC40 2019
Volvo XC40 2019
 
Volvo XC40 2019
Volvo XC40 2019
Volvo XC40 2019
 
Volvo XC40 2019
Volvo XC40 2019
Volvo XC40 2019
 
Volvo XC40 2019
Volvo XC40 2019
Volvo XC40 2019
 
Volvo XC40 2019
Volvo XC40 2019
Volvo XC40 2019
 
Volvo XC40 2019
Volvo XC40 2019
Volvo XC40 2019
 
Volvo XC40 2019
Volvo XC40 2019
Volvo XC40 2019
 
Volvo XC40 2019
Volvo XC40 2019
Volvo XC40 2019
 
Volvo XC40 2019
Volvo XC40 2019
Volvo XC40 2019
 
Volvo XC40 2019
Volvo XC40 2019
Volvo XC40 2019
 
Volvo XC40 2019
Volvo XC40 2019
Volvo XC40 2019
 
Volvo XC40 2019
Volvo XC40 2019
Volvo XC40 2019
 
Volvo XC40 2019
Volvo XC40 2019
 
 
Assine a newsletter semanal do AUTOO!