Concessionárias já vendem o novo Tracker 2021; confira valores

Modelo estreia com opção ao público PcD muito bem equipada
Chevrolet Tracker 2021

Chevrolet Tracker 2021 | Imagem: Divulgação

Enquanto o lançamento do novo Chevrolet Tracker 2021, a princípio, estava previsto para a próxima quarta-feira (18), porém não sabemos se o evento de fato será mantido devido ao avanço da Covid-19 no Brasil, os concessionários foram instruídos a iniciar a comercialização do SUV a partir deste fim de semana para evitar aglomerações nas revendas e preservar a saúde do público em geral. A rede Chevrolet está abastecida há um bom tempo com o modelo e restava apenas a autorização da fabricante para que as unidades de test-drive pudessem ser colocadas nas ruas e os pedidos iniciais pela novidade começarem a ser efetuados.

Com isso, chega ao fim a questão do mistério sobre os preços do novo Tracker 2021, que terá ao todo seis versões incluindo o catálogo para o público PcD. Vamos aos valores e respectivos itens de série:

Tracker 1.0 Turbo manual – R$ 82.000
Itens de série: 6 airbags, alarme, controles de tração e estabilidade, faróis e lanternas de neblina, luz de condução diurna (DRL), regulagem de altura dos faróis, maçanetas externas pretas, maçanetas internas na cor prata, rack de teto na cor preta, rodas de liga leve aro 16”, ar-condicionado, sensor de estacionamento, direção com ajuste de altura e profundidade, computador de bordo, direção elétrica progressiva, retrovisores externos elétricos pretos, central multimídia, sistema de som com 6 alto-falantes, entre outros.

Tracker LT 1.0 Turbo automático 6 marchas – R$ 89.900
Itens de série: todos os da versão 1.0 turbo manual + grade frontal com detalhes cromados, espelhos retrovisores externos elétricos na cor do carro, maçanetas externas na cor do carro, rack de teto na cor prata, câmera de ré, controlador de velocidade de cruzeiro, chave presencial, start-stop (desligamento e partida automáticos do motor em paradas do veículo/conta também com botão para desabilitar o sistema)

Tracker 1.2 Turbo automático 6 marchas – R$ 90.500
Itens de série: mesmo pacote da versão 1.0 Turbo manual + controlador de velocidade de cruzeiro e start-stop (com botão para desabilitar o sistema)

Tracker LTZ 1.2 Turbo automático 6 marchas – R$ 99.900
Itens de série: todos os da versão LT 1.0 Turbo + alerta de ponto cego, rodas de liga leve aro 17”, acendimento automático dos faróis, sensor de chuva, volante com revestimento de couro, bancos com revestimento mesclando couro e tecido, entre outros.

Tracker Premier 1.2 Turbo automático 6 marchas – R$ 112.000
Itens de série: todos os da versão LTZ 1.2 Turbo + alerta de colisão frontal com frenagem automática de emergência, faróis dianteiros do tipo projetor, lanternas traseiras em LED, friso cromado ao redor dos vidros laterais, ar-condicionado digital, maçanetas internas cromadas, carregamento de smartphones por indução, assistente de estacionamento (Easy Park), espelho retrovisor interno eletrocrômico, bancos de couro e teto solar elétrico panorâmico

Ao todo o novo Tracker 2021 terá um catálogo de sete cores, sendo que a única que não tem valor adicional e a Azul Eclipse. Além dela haverá a opção da tonalidade Branco Summit, que acrescenta R$ 750 nos preços tabelados apresentados acima. O catálogo ainda reúne as tonalidades Cinza Satin Steel, Prata Switchblade, Preto Ouro Negro, Vermelho Chili e Azul Power, sendo que essas tonalidades metálicas acrescentam R$ 1.600 no preço sugerido das respectivas versões.

A opção do novo Tracker 2021 que vai atender o público PcD (compra com isenção) será a seguinte:

Tracker 1.0 Turbo automático 6 marchas – R$ 70.000 (R$ 56.870 após isenção de IPI e ICMS)
Itens de série: todos os do Tracker 1.0 Turbo manual + grade frontal com detalhes cromados, espelhos retrovisores externos elétricos na cor do veículo, maçanetas externas na cor do veículo, rack de teto na cor prata, câmera de ré, controlador de velocidade de cruzeiro com comandos no volante, chave presencial, sistema start-stop, tampão do porta-malas, entre outros. Interessante destacar que o catálogo que vai atender ao público PcD permite a escolha de qualquer uma das sete cores disponíveis sem qualquer custo adicional. Como antecipamos, após a isenção tributária de IPI e ICMS, o Tracker para o público PcD deverá ter custo de R$ 56.870. 

Interessante pontuar, como é possível ver no catálogo de preços (clique na imagem principal para acessar as fotos), que a Chevrolet destaca que o Tracker em sua configuração para PcD terá apenas 12 meses de garantia, talvez uma das estratégias adotadas pela fabricante para oferecer um pacote de equipamentos tão robusto no catálogo para compra com isenção.

Outro ponto é que a Chevrolet coloca em sua tabela com os valores de preços do Tracker 2021 a seguinte observação para o catálogo até R$ 70 mil: “a versão contém um pacote promocional, por um período e um volume limitados, com adição dos itens: rodas de liga leve aro 16”, rack de teto na cor prata, espelhos retrovisores externos elétricos na cor do veículo e cobertura de porta-malas”. Logo, fica subentendido que em algum momento a Chevrolet pode retirar esses itens do catálogo 1.0 Turbo automático. Portanto, quem já conta com a documentação pronta para efetivar a compra com isenção tem no Tracker em questão uma excelente opção.

Segundo as primeiras informações sobre o novo Tracker 2021, o motor 1.0 turbo deverá entregar os mesmos 116 cv de potência máxima independente do combustível e 16,8 kgfm de torque com etanol que desenvolve tanto no Onix como no Onix Plus. O propulsor 1.2 turbo, uma estréia para a família derivada da nova plataforma GEM fabricada no Brasil, contará com até 133 cv e 21,4 kgfm de torque utilizando o combustível de origem vegetal. 

O novo Tracker 2021 conta com 4,27 m de comprimento, 1,79 m de largura, 1,62 m de altura e 2,57 m de entre-eixos. O porta-malas terá uma capacidade total de 393 litros, sendo que o compartimento pode ser dividido por meio do revestimento móvel para o assoalho, sistema semelhante ao que o VW T-Cross oferece em suas versões mais caras.  

A Chevrolet também já adianta em seu site comercial os dados de consumo do novo Tracker. A opção 1.0 turbo manual alcançará até 9 km/l na cidade e 10,4 km/l na estrada com etanol. A mesma configuração com gasolina entrega até 13 km/l na cidade e excelentes 14,8 km/l na estrada, representando as médias mais baixas que o SUV pode registrar. O catálogo 1.0 turbo automático fica com médias de 8,2 (cidade) e 9,6 km/l (estrada) com etanol ou 11,9 e 13,7 km/l, respectivamente, com gasolina. Na opção 1.2 turbo automática, o consumo oficial é de 7,7 (cidade) e 9,4 km/l (estrada) com etanol e chega em 11,2 e 13,5 km/l, respectivamente, com gasolina.  

Chevrolet Tracker 2021
Chevrolet Tracker 2021
Imagem: Divulgação

Assine a newsletter semanal do AUTOO!