A Fiat marcou para os dias 10 e 11 de agosto o lançamento do Freemont no Brasil. Como já se sabe, trata-se do Journey, o crossover que a Dodge produz no México, mas com logomarcas e detalhes da marca italiana. Para não disputarem o mesmo cliente, o Freemont custará mais barato, em torno de R$ 70.000 - o Journey deve perder a versão de entrada SE, ou seja, começará perto de R$ 100.000.

Os motores também serão diferentes: enquanto o Dodge passará a contar com um novo V6 mais potente e econômico, o Fiat terá um 4 cilindros 2.7 com 173 cv de potência. Haverá duas versões de acabamento, uma com cinco assento e outra com sete lugares e mais itens de série.

Ao que tudo indica, a estratégia da Fiat pode fazer sucesso. Na Europa, o Freemont surpreendeu, sobretudo na Itália. De 3 mil unidades planejadas, a Fiat vendeu mais de 4 mil. As encomendas do modelo já passam das 15 mil unidades.

Ricardo Meier

Publisher do AUTOO, é o criador do site e tem interesse especial pelo sobe e desce do mercado, analisando os números de vendas de automóveis todos os meses

Ricardo Meier | http://www.jcceditorial.com.br/