Previsto para o Brasil, Fiat lança novo 500 elétrico com série especial

Quase confirmado para o Brasil, nova geração deixa motor a combustão para trás e começa a ser vendido na Itália
Fiat 500 2021

Fiat 500 2021 | Imagem: Divulgação

A Fiat apresentou a nova geração do 500 em março para os mercados europeus. Além da nova plataforma e do visual repaginado, a novidade passa a contar apenas com propulsão elétrica. Na Itália, o novo 500 EV começou a ser vendido oficialmente por meio da série especial La Prima, que custa 34.900 euros, ou cerca de R$ 191,1 mil.

Antonio Filosa, presidente da Fiat Chrysler para a América Latina, já declarou em entrevista que o novo 500 elétrico pode chegar ao Brasil em 2021, mas a decisão ainda não foi confirmada. Como a novidade será importada da Itália, a cotação do dólar no futuro exercerá grande influência no destino do carrinho por aqui.

A série especial La Prima para o novo Fiat 500 elétrico inclui itens como iluminação total por LED, teto solar panorâmico com acionamento elétrico, rodas de liga leve com acabamento diamantado de 17 polegadas exclusivas, detalhes cromados na carroceria e tecido sintético para os bancos e acabamentos da cabine.

O Fiat 500 elétrico é alimentado por baterias de íons de lítio com 42 kWh de capacidade. A potência declarada para o motor elétrico é de 118 cv. A aceleração de 0 a 100 km/h, de acordo com a marca, acontece em 9 segundos, enquanto a velocidade máxima é limitada a 150 km/h e sua autonomia de até 320 km.

A nova geração do 500 pode ser recarregada em tomadas ultra rápidas de 85 kW disponíveis na Europa, exigindo 5 minutos para recuperar 50 km de autonomia, ou 80% da carga total em 35 minutos. Em uma tomada doméstica, o tempo para uma carga completa sobe para 14 horas.