Ford Maverick, VW Tarok, Chevrolet Montana e Hyundai Santa Cruz: como encarar a Fiat Toro?

Futuras picapes vão apostar em qualidades distintas para disputar mercado com a atual líder do segmento
Ford Maverick, Volkswagen Tarok, Hyundai Santa Cruz e a projeção de Kleber Silva para a nova Chevrolet Montana

Ford Maverick, Volkswagen Tarok, Hyundai Santa Cruz e a projeção de Kleber Silva para a nova Chevrolet Montana | Imagem: Montagem Autoo

Ideia que surgiu aqui no Brasil com a Renault Duster Oroch em 2015 e teve na Fiat Toro, lançada em 2016, sua representante de maior relevância comercial, as picapes compactas-médias oferecem uma singular e interessante proposta.

Geralmente com cabines mais espaçosas e caçambas de capacidade volumétrica superior, características típicas dos modelos de médio porte, e comportamento dinâmico semelhante ao de carros de passeio, como ocorre nas picapes compactas, temos um produto que deverá ganhar cada vez mais atenção por parte das montadoras. 

Aqui no Brasil, tanto a Renault Duster Oroch quanto a Fiat Toro vão lidar com um cenário bastante competitivo, o qual já está sendo delineando no médio prazo.

A dupla nacional terá fortes concorrentes nos próximos anos, incluindo modelos importados.

Estamos falando em especial de quatro novidades, três delas praticamente confirmadas para o Brasil e uma delas ainda sob análise.

Elencamos, abaixo, quais são essas picapes, a perspectiva de comercialização e um resumo dos principais atributos que elas deverão entregar para que possam se destacar frente a Toro e Duster Oroch. Confira!

Ford Maverick - Previsão de estreia no Brasil: 2022 

Um ano antes da nova geração da Ford Ranger fazer sua estreia em nosso mercado, o que está confirmado para ocorrer em 2023, a marca norte-americana pretende reforçar sua participar de mercado entre as picapes.

A previsão é que a Ford Maverick fará sua estreia no Brasil ao longo de 2022 e a novidade provou ter características muito interessantes para se projetar dentro do segmento.

Talvez o principal atributo da Maverick fique por conta da interessante proposta da Ford de oferecer a configuração de entrada do modelo com motorização híbrida a um preço competitivo.

Partindo de menos de US$ 20 mil nos EUA, é fato que a Maverick surpreendeu no quesito custo-benefício, ainda mais ao alinharmos o fato da notável economia de combustível que o conjunto propulsor eletrificado confere ao modelo.

Segundo dados da Ford, o modelo alcança parcial de 17 km/l na cidade, um número extremamente interessante.

A Ford Maverick híbrida oferece apenas tração dianteira, porém a nova picape da marca tem em seu portfólio a opção do 2.0 turbo associado a um sistema de tração integral, atendendo quem não abre mão de desempenho superior e a presença das quatro rodas motrizes.

Sem dúvida a Ford Maverick poderá ser uma excelente alternativa no universo de picapes compactas-médias, em especial se preservar, aqui no Brasil, a proposta do preço competitivo.

A importação do México certamente será um bom aliado para isso.

Nova Chevrolet Montana - Previsão de estreia no Brasil: 2023 

Única representante entre as quatro futuras picapes que terá produção nacional, em São Caetano do Sul (SP), a próxima geração da Chevrolet Montana só vai manter o nome do atual modelo de pequeno porte.

A escolha da fábrica paulista para a produção da novidade não é por acaso, uma vez que a nova Montana vai compartilhar a mesma plataforma (GEM) com o Chevrolet Tracker atual.

A tendência é que o foco da novidade siga um caminho semelhante ao da Ford Maverick nos EUA e também tenha como premissa manter o preço competitivo.

A arquitetura GEM, por exemplo, não prevê tração integral, algo que encarece qualquer picape, porém figura como um atributo importante dentro do segmento. 

Como noticiamos, a previsão é que a produção da nova Montana terá início apenas em 2023, porém logo a partir de janeiro.

Sob o capô, a picape deverá contar com o 1.2 turbo presente no Tracker Premier, talvez com eventuais aprimoramentos para entregar mais potência e torque (fundamental em um veículo de aplicação comercial).  

Segundo apurações do site Mobiauto, também é cogitada a presença do motor 1.3 turbo aplicado em alguns modelos da Chevrolet no mercado chinês, o qual traria dados técnicos ainda mais robustos. Algo a conferir em uma etapa próxima ao lançamento do modelo.

Volkswagen Tarok - Previsão de estreia no Brasil: 2025 

Segundo informações recentes, a previsão é que a aguardada Volkswagen Tarok, picape que surgiu na forma de conceito em 2018, deverá ser lançada apenas em 2025.

A data pode soar como um balde de água fria nas expectativas de fãs da marca que desejam um veículo com essa proposta, entretanto resta a possibilidade de que a fabricante alemã poderá rever esse prazo.

A Tarok será produzida na Argentina ao lado do Taos, compartilhando com o SUV médio a plataforma e outros detalhes técnicos.

Olhando para o conceito revelado na década passada, a Tarok contará com soluções peculiares de praticidade e acomodação de carga, como a possibilidade de comunicar a caçamba com a cabine por meio de uma abertura atrás do encosto do banco traseiro.

Não estão descartadas as ofertas de opções diesel para a Tarok, talvez baseadas na evolução do motor 2.0 hoje oferecido na Amarok, bem como variantes com tração integral ou dianteira baseadas na gama de propulsores TSI flex.

Assim como o Projeto Tarek resultou no SUV Taos, é provável que até o lançamento da novidade o nome Tarok deverá dar lugar a um batismo definitivo para a picape. A conferir. 

Hyundai Santa Cruz - Previsão de estreia no Brasil: indefinida

Pensada com foco no mercado norte-americano, por enquanto de todos os modelos apresentados até aqui a Hyundai Santa Cruz é a única sem uma perspectiva muito clara de importação ao Brasil.

Como avaliações no exterior demonstram, a Hyundai Santa Cruz tende a ser a mais “esportiva” de todas as picapes.

Com um interessante 2.5 turbo de 285 cv sob o capô, a picape agradou aos sites e canais norte-americanos que avaliaram a picape, a qual ainda recebeu muitos elogios sobre o comportamento dinâmico.

A picape tem como aliado o visual ousado tanto na parte externa como para o painel e demais elementos internos.

Sem dúvida, se o preço não se tornar elevado demais considerando os custos de importação (a picape é produzida nos EUA), a Santa Cruz reúne atributos consideráveis para a Hyundai CAOA ponderar sua eventual oferta em nosso mercado. Um excelente produto para ficarmos de olho! 

Ford Maverick, Volkswagen Tarok, Hyundai Santa Cruz e a projeção de Kleber Silva para a nova Chevrolet Montana

Ford Maverick, Volkswagen Tarok, Hyundai Santa Cruz e a projeção de Kleber Silva para a nova Chevrolet Montana

Projeção de Kleber Silva para a nova geração da Chevrolet Montana

Projeção de Kleber Silva para a nova geração da Chevrolet Montana