Hatch 100% elétrico, Peugeot e-208 GT começa a ser vendido por R$ 244.990

Modelo inicia eletrificação da Peugeot no Brasil e será oferecido em versão única
Peugeot 208 2022

Peugeot 208 2022 | Imagem: Divulgação

Apesar de revelada no Brasil ainda no ano passado, em conjunto com a estreia da nova geração do hatch, a opção 100% elétrica do Peugeot 208 começa a ser vendida apenas nesta semana.

Com propulsor de 136 cv e torque instantâneo de 26,5 kgfm, o Peugeot e-208 GT terá preço sugerido de R$ 244.990 em configuração única, portanto sem opcionais.

O modelo é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em 8,3 segundos e a bateria de 50 kWh terá 8 anos de garantia ou 160 mil quilômetros, acrescenta a Peugeot.

De acordo com o ciclo WLTP (Worldwide Harmonised Light Vehicles Test Procedure), novo padrão mundial para determinar nível de emissões e consumo dos veículos, inclusive elétricos, o e-208 GT terá autonomia na faixa de 340 km com uma carga completa da bateria. 

Em parceria com a brasileira WEG, a Peugeot vai oferecer sem custo adicional aos 20 primeiros consumidores do e-208 GT estações de recarga (wallbox) com potência de 7,4 kW. O custo de instalação, entretanto, deverá ser arcado pelo consumidor.

Segundo a Peugeot, utilizado o cabo convencional que já é oferecido no hatch e pode ser conectado a uma tomada doméstica convencional, o tempo de recarga da bateria do e-208 GT (até pelo menos 80% da capacidade) é de 24h56min.

Saiba mais: confira avaliação do Peugeot e-208 GT

Utilizando o wallbox de 7,4 kW, por sua vez, o tempo é reduzido para 6h02min. Em pontos de recarga rápida, operando a 100 kW é possível recarregar a bateria até 80% da capacidade em 30 minutos.

Projetado sobre a variante elétrica da plataforma CMP, a opção 100% elétrica do novo 208 preserva o espaço frontal e traseiro para os ocupantes, bem como a capacidade de carga de 311 litros no porta-malas.

Completo, o e-208 GT conta com 6 airbags, painel de instrumentos digital (i-Cockpit), central multimídia com tela de 10”, teto solar panorâmico e um robusto pacote de assistentes de condução (ADAS) formado por alerta de colisão com frenagem autônoma de emergência, farol alto adaptativo, reconhecimento de placas de velocidade, alerta de fadiga, assistente de permanência em faixa, piloto automático adaptativo e monitoramento de pontos cegos.

Para ajudar nos deslocamentos e recargas do e-208 GT, a Peugeot anunciou uma parceria com a Tupinambá, principal startup de infraestrutura de eletromobilidade nacional.

A empresa é responsável por auditar o funcionamento de pontos de recarga, evitando surpresas aos motoristas. Segundo a Peugeot, mais de 750 estações são monitoradas por todo o Brasil. 

A Stellantis também realizou uma parceria com a Estapar e a Enel X no projeto Ecovagas, que prevê a primeira rede de recarga semipública para veículos híbridos e elétricos do país.

Atualmente a rede conta com 150 postos de recarga, disponíveis para uso de todos os veículos eletrificados com plug padrão americano, tipo 2, amplamente utilizado no mercado brasileiro e compatível com o e-208 GT.

A iniciativa espera atingir um total de 200 pontos de recarga ainda este ano. 

Peugeot 208 2022
Peugeot 208 2022
Imagem: Divulgação