Hatches compactos até R$ 80 mil: qual é a melhor escolha?

Mercado atualmente conta com diversas opções para quem deseja um automóvel acessível e econômico
Exemplos de hatches compactos com versões de entrada abaixo de R$ 80 mil

Exemplos de hatches compactos com versões de entrada abaixo de R$ 80 mil | Imagem: Montagem Autoo sobre fotos de divulgação

É fato que um dos reflexos mais pesados da pandemia no setor automotivo foi o aumento de preços dos veículos em decorrência do desabastecimento de componentes e, consequentemente, seus reflexos na inflação. 

Porém, mesmo indo além do segmento de entrada, onde atuam modelos como Renault Kwid e Fiat Mobi, é possível encontrar ótimas alternativas de hatches compactos que oferecem mais espaço interno e porta-malas sem ultrapassar o teto de R$ 80.000. 

Estamos falando de modelos como Citroën C3 (R$ 77.990 na versão Live Pack 1.0), Fiat Argo 1.0 (R$ 78.590), Hyundai HB20 Sense (R$ 78.290), Peugeot 208 Like (R$ 79.990), Renault Stepway Zen 1.0 (R$ 77.990) e o Volkswagen Polo Track (R$ 79.990). 

Porém, entre eles, qual é a escolha mais interessante do ponto de vista do custo-benefício, segurança e eficiência? 

Vale a ressalva de que o Chevrolet Onix não entrou na lista uma vez que seu catálogo 1.0 manual de entrada atualmente supera R$ 82 mil. 

Deveriam entregar mais 

Entre os seis modelos citados anteriormente, três deles já podemos excluir logo de cara pela ausência de itens importantes. 

O primeiro é o Renault Stepway Zen 1.0, uma vez que ele sequer sai de fábrica com os controles de tração e estabilidade, algo inaceitável em um carro 0 km hoje em dia. 

Apesar de não incorrerem no mesmo problema do Stepway Zen 1.0, podemos dizer que o Citroën C3 Live Pack 1.0 e o Fiat Argo 1.0 também são retidos em um filtro inicial já que ficam devendo itens importantes encontrados nos rivais, como a iluminação diurna em LED e um número maior de airbags, indo além das bolsas frontais obrigatórias por lei. 

O Fiat Argo de entrada, inclusive, não oferece sequer rádio convencional com Bluetooth de fábrica. 

Olhando para o trio 

Com isso, podemos aprofundar nosso conteúdo comparando as características de Hyundai HB20 Sense, Peugeot 208 Like e VW Polo Track, todos com motorização 1.0 tricilíndrica aspirada. 

Iniciando pelo quesito eficiência, temos no HB20 Sense até 80 cv, 10,2 kgfm de torque e uma transmissão manual de 5 marchas. Sempre de acordo com a tabela mais recente do Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular, o Hyundai é capaz de alcançar médias de 13,1 km/l na cidade e 15 km/l na estrada com gasolina. 

O Peugeot 208 Like, por sua vez, compartilha com o Fiat Argo o motor 1.0 Firefly alcançando até 75 cv e 10,7 kgfm com etanol, operando somente com a transmissão manual de 5 marchas. O consumo oficial do hatch com gasolina é de 14,7 km/l na cidade e notáveis 16,3 km/l em ciclo rodoviário. 

Já o VW Polo Track com seu 1.0 de 84 cv e 10,3 kgfm também é equipado com caixa manual de 5 marchas e aponta médias de 14 km/l em uso na cidade e 15,4 km/l na estrada se abastecido com o combustível derivado do petróleo. 

Logo, do ponto de vista mecânico, temos uma inquestionável vantagem para o Peugeot quando o assunto é eficiência. 

Custo-benefício 

Migrando para o custo-benefício, o representante da Peugeot também sai na frente de HB20 Sense e Polo Track por alguns pontos importantes. 

O 208 Like é um dos raros hatches compactos até R$ 80 mil que já oferece central multimídia de série, sendo, no caso, um interessante aparelho com tela de 10,3” e suporte ao Apple CarPlay e Android Auto sem fio. 

Outro ponto importante é que, além de itens “obrigatórios” como o ar-condicionado, direção assistida, travas e vidros elétricos, o 208 Like conta com iluminação diurna em LED. 

No caso do HB20 Sense temos apenas o rádio de série, sendo que o Polo Track, apesar de contar com o item nas unidades comercializadas em pré-venda, o mesmo deverá ser um opcional ou acessório quando o VW chegar ao mercado em fevereiro. 

Tanto o VW quanto o Peugeot saem de fábrica com 4 airbags e os controles de tração e estabilidade, sendo que o HB20 Sense se destaca por reunir 6 airbags e ainda contar com 5 anos de garantia de fábrica, uma das maiores coberturas entre os automóveis nacionais. 

Resumo 

Pesando todas as qualidades de 208 Like, HB20 Sense e Polo Track, o Peugeot desponta como a escolha mais equilibrada. Não por acaso os catálogos 1.0 de entrada já respondem pela maior procura do hatch, deixando claro que a marca francesa acertou em sua estratégia. 

O 208 mais acessível se notabiliza pela economia do motor 1.0, além de entregar a melhor lista de equipamentos de série acompanhada por um nível aceitável de recursos de segurança. 

Em segundo lugar, podemos colocar com tranquilidade o Hyundai HB20 Sense, que merece ser elogiado pelos 6 airbags de série. Se não conta com a mecânica mais eficiente, ao menos o modelo tem preço de compra menor em relação ao 208 Like, o que pode até viabilizar a instalação da central multimídia como um acessório, caso você assim desejar. 

Exemplos de hatches compactos com versões de entrada abaixo de R$ 80 mil

Exemplos de hatches compactos com versões de entrada abaixo de R$ 80 mil

Acima detalhe do Peugeot 208 em sua versão de entrada Like 1.0

Acima detalhe do Peugeot 208 em sua versão de entrada Like 1.0

Recomendados por AUTOO

Youtube
Choque de elétricos baratos

Choque de elétricos baratos

BYD Dolphin Mini ou Kwid E-Tech, quem leva a melhor nos modelos a bateria?
Aviação
Os novos porta-aviões da China e dos EUA comparados

Os novos porta-aviões da China e dos EUA comparados

Fujian e Gerald R. Ford são como forças aéreas móveis, capazes de se deslocar pelo mundo inteiro
MOTOO
5 motos 0km para comprar na faixa dos R$ 20 mil

5 motos 0km para comprar na faixa dos R$ 20 mil

Confira opções de modelos interessantes de Honda, Yamaha, Royal Enfield, Bajaj e Dafra