Honda Fit ganha versão de corrida no Brasil

No entanto, versão do monovolume foi feita para ser pace car de corrida e traz ainda mudanças no visual e acabamento diferenciado no interior

Honda Fit Pace Car | Imagem: Honda

A divisão brasileira da Honda apresentou nesta semana uma nova versão do Fit para atuar como pace car em campeonatos a serem realizados no País. O modelo estreou na quinta etapa do SuperBike Series Brasil, o maior campeonato de motovelocidade da América Latina, no Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Goiânia (GO), no último domingo (17).

"Nesta geração, o Fit está com um visual mais agressivo e um apelo mais jovem. No Pace Car buscamos evidenciar essas características e, por isso, alteramos o veículo o mínimo possível para adaptá-lo às pistas, criando um carro com o DNA esportivo da Honda", comenta Sergio Bessa, Diretor de Vendas e Marketing da Honda.

O novo Honda Fit Pace Car foi desenvolvido a partir do modelo convencional e segue padrões que atendem até mesmo os requisitos da Fórmula Indy para esse tipo de veículo. O motor do 1.5 i-VTEC do monovolume foi modificado, com direito a um turbocompressor com pressão de 0,6 bar, e agora entrega 221 cv de potência a 6.200 rpm e 26 kgfm de torque, a 6.000 giros.

Os números de desempenho, entretanto, não são tão superiores em relação ao carro de rua: o Pace Car faz a prova dos 0 a 100 km/h em 9,4 segundos e tem velocidade limitada eletronicamente a 190 km/h.

Além disso, o Fit Pace Car conta com suspensão com kit de amortecedores e molas Coil Over ajustáveis, barra estabilizadora traseira, freio a disco nas quatro rodas (com seis pistões na dianteira e componentes Willwood) e rodas de 17 polegadas calçadas com pneus 205/45 R17. Há ainda desenho inspirado em outros modelos da Honda utilizados em competição, com direito a bodykit, aerofólio, protetores de soleira, pedaleiras de alumínio e tapetes da linha de acessórios originais Honda Acess.

Assine a newsletter semanal do AUTOO!